Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Além de advogados

PF indicia presidente da Gerdau e membros do Carf na operação zelotes

A Polícia Federal indiciou 19 pessoas na 6ª fase da operação zelotes, que investiga manipulação de julgamentos do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais e venda de medidas provisórias que beneficiaram o setor automobilístico. 

Entre os indiciados estão conselheiros e ex-conselheiros do Carf, advogados e diretores do Grupo Gerdau, incluindo o presidente do conglomerado, André Gerdau, conforme informou o site G1. Oficialmente, contudo, a PF não divulgou os nomes deles. Os investigados foram indiciados, entre outros crimes, por corrupção ativa, passiva, lavagem de dinheiro e tráfico de influência.

Segundo a PF, mesmo com o envio do relatório de 176 páginas à 10ª Vara da Justiça Federal no Distrito Federal, ainda estão sendo analisados materiais apreendidos durante as buscas. O exame pode resultar em outras investigações e até mesmo em novos indiciamentos.

A 6ª fase da zelotes foi deflagrada em fevereiro deste ano. Um dos alvos dessa etapa foi o grupo Gerdau. A suspeita é que o grupo tenha atuado no Carf para evitar o pagamento de multas que chegam a R$ 1,5 bilhão. Nessa etapa, a PF efetuou ações no Rio de Janeiro, no Rio Grande do Sul, em Pernambuco, em São Paulo e no Distrito Federal.

A Assessoria de Imprensa do Grupo Gerdau informou que até o momento não “recebeu informações oficiais sobre o tema” e que vai se pronunciar somente depois que for notificada. Com informações da Agência Brasil.

Revista Consultor Jurídico, 16 de maio de 2016, 17h37

Comentários de leitores

1 comentário

Zelotes

Ton (Auditor Fiscal)

Indiciar quem nada tem com a coisa enfraquece, e muito, a acusação. A bandidagem vai gostar.

Comentários encerrados em 24/05/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.