Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Peneira fina

Governo federal expulsa 541 servidores por atividades ilegais em 2015

Por envolvimento em atividades contrárias à Lei 8.112/1990, que define o regime jurídico dos servidores, 541 servidores públicos foram expulsos no ano passado. Os casos de corrupção lideram a lista, com 332 agentes apenados — 61,4% do total. Já o abandono de cargo, a falta de assiduidade ou a acumulação ilícita de cargos somaram 138 ocorrências.

A Controladoria-Geral da União registrou ainda 447 demissões de servidores efetivos (número recorde no comparativo dos últimos cinco anos), 53 cassações de aposentadorias e 41 destituições de ocupantes de cargos em comissão. Também figuram entre as razões que mais afastaram servidores proceder de forma desidiosa e participar de gerência ou administração de sociedade privada.

Os dados não incluem os empregados de empresas estatais, como Caixa Econômica Federal, Correios e Petrobras. Feito pela CGU, o relatório de punições expulsivas é publicado mensalmente na internet.

A Controladoria também mantém o Cadastro de Expulsões da Administração Federal, disponível no Portal da Transparência do governo federal. A ferramenta permite consultar, de forma detalhada, punição aplicada ao servidor, órgão de lotação, data da punição, a unidade da Federação e fundamentos legais. A fonte das informações é o Diário Oficial da União. Com informações da Assessoria de Imprensa da CGU.

Revista Consultor Jurídico, 8 de janeiro de 2016, 19h14

Comentários de leitores

2 comentários

O servidor meliante e a impunidade

J. Ribeiro (Advogado Autônomo - Empresarial)

Bem..., será que o nº correto não seria 541 mil? Se acrescentar as estatais, ai esse nº deve multiplicar-se.
A questão é que esses maus elementos, muitos meliantes concurseiros, o judiciário os coloca para dentro de novo.
A CGU é um dos poucos órgãos do governo federal que goza de certa credibilidade.

faltou acesso ao ensino ou o meio os tornaram maus....

analucia (Bacharel - Família)

o crime é uma questão de impunidade e não o discurso comunista de "desigualdade social".....

Comentários encerrados em 16/01/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.