Consultor Jurídico

Notícias

Excelência em gestão

Contas do TRF-3 são aprovadas sumariamente pelo TCU

Desembargador Fábio Prieto recebeu diploma por excelência na gestão do TRF-3

O Tribunal de Contas da União aprovou sumariamente as contas de 2015 do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, sediado em São Paulo. No ano passado, a corte federal teve suas contas aprovadas sem necessidade de exame pelo plenário por atenderem todas as exigências básicas de controle do TCU.

Entre os requisitos para as contas serem aprovadas pelo rito sumário estão a análise das despesas e investimentos, dos relatórios de gestão dos últimos cinco anos, dos processos de fiscalização de controle interno, além de informações divulgadas na imprensa, inexistência de indícios de irregularidades em obras e serviços internos dos órgãos.

Presidente do TRF-3 nos últimos dois anos, o desembargador Fábio Prieto recebeu do TCU um diploma de excelência na gestão. A decisão histórica do TCU põe o selo de qualidade no projeto de afirmação da capacidade de magistrados e servidores da 3ª Região. "Aprimorei os já excelentes controles do TRF-3, logo que tomei posse, porque conheço os juízes e servidores da 3ª região. Trata-se de uma imensa maioria de pessoas competentes, satisfeitas, que trabalha discretamente”, disse o desembargador, que nesta segunda-feira (22/2) transmite o cargo para sua sucessora, a desembargadora Cecília Marcondes. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRF-3.

Revista Consultor Jurídico, 22 de fevereiro de 2016, 18h03

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 01/03/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.