Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Fundamentação genérica

Teori Zavascki nega pedido de liberdade do ex-deputado petista André Vargas

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, negou mais um pedido de liberdade feito pela defesa do ex-deputado federal André Vargas (PT-PR), condenado em uma das ações penais da operação “lava jato”. Vargas está preso desde abril do ano passado no Complexo-Médico Penal em Pinhais, região metropolitana de Curitiba.

A defesa do ex-deputado alega que não há motivos para que ele continue preso cautelarmente. Para os advogados, a ordem de prisão está fundamentada genericamente, com base nos princípios da ordem pública e na suposta gravidade da conduta de Vargas. Em setembro do ano passado, o juiz federal Sergio Moro, da 13ª Vara Federal na capital paranaense, condenou Vargas a 14 anos e 4 meses de reclusão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

Em dezembro de 2014, o mandato de André Vargas foi cassado pela Câmara dos Deputados. Os parlamentares decidiram condená-lo por envolvimento em negócios com o doleiro Alberto Youssef, preso pela Polícia Federal na “lava jato” por participação em um esquema de lavagem de dinheiro em obras da Petrobras. Com informações da Agência Brasil.

HC 132.295

Revista Consultor Jurídico, 11 de fevereiro de 2016, 17h55

Comentários de leitores

3 comentários

Parabéns ministro (?)

Sidnei Santos (Advogado Autônomo)

Quer dizer que será "muito mais difícil roubar descaradamente a Nação"? Não sei se rio ou se choro desse "comentário".
E aonde estão as investigações sobre os anos 1990 na Petrobras? Trensalão Tucano em São Paulo? A Zelotes então, resolveu "redirecionar"...e a máfia do HSBC, viu a rapidez com que o banco saiu do varejo do Brasil e não se ouve mais um piozinho sequer? E olhe que nem mencionei nada sobre a ...merenda em São Paulo, o ISS, etc.
Deixe de ingenuidade!

Nota da Redação - comentário ofensivo Comentário editado

hammer eduardo (Consultor)

Comentário ofensivo removido por violar a política do site.

Parabéns ministro

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

Atitude independente e corajosa. A luta contra os poderosos é difícil; muita pressão; muita influência e muito dinheiro, por isso, fazer Justiça com essa gente mal acostumada é muito mais gratificante. É por aí que o Brasil vai sair dessa, deixando uma mensagem clara aos que estão chegando: depois de tudo isso, vai ser muito mais difícil roubar descaradamente a Nação.

Comentários encerrados em 19/02/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.