Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Cadeira vazia

Advogados disputam vaga do Senado para conselheiro no CNJ

Por 

Os advogados Henrique Ávila e Octavio Orzari foram indicados para vaga do Senado no Conselho Nacional de Justiça. A cadeira está vazia desde 12 de maio, quando o conselheiro Fabiano Silveira renunciou ao mandato para assumir o Ministério da Transparência (antiga CGU).

Ávila e Orzari devem agora ser sabatinados na Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Ainda não há data definida para a sabatina. Depois, os nomes serão votados pelo Plenário do Senado. A relatora da indicação de Orzari na CCJ é a senadora Simone Tebet (PMDB-MS). O relatório sobre Ávila será redigido pelo senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES).

Ávila é sócio do escritório Sergio Bermudes. Ele é doutorando e mestre em Direito Processual Civil pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e bacharel em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio).

Orzari é servidor de carreira do Senado, mestre e graduado pela Universidade de São Paulo, pós-graduado em Ciência Política pela Universidade de Brasília e em Direito Penal pela Universidade de Salamanca.

Clique aqui para ler o ofício de indicação de Ávila.
Clique aqui para ler o ofício de indicação de Orzari.

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 3 de agosto de 2016, 18h50

Comentários de leitores

1 comentário

aceito!

Neli (Procurador do Município)

Tenho qualificação e bom senso, aceito a vaga.

Comentários encerrados em 11/08/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.