Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Lavagem de dinheiro

Juiz da "lava-jato" participa de seminário sobre corrupção no Rio

O combate à corrupção será tema de um evento no Rio de Janeiro que reunirá o juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos decorrentes da operação "lava-jato", o ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, e do presidente do Instituto dos Advogados Brasileiros, Técio Lins e Silva. O I Seminário Nacional sobre Combate à Corrupção à Lavagem de Dinheiro acontece nos dias 4 e 5 de dezembro, no Hotel Guanabara.  

Moro (foto) abordará o tema “Elemento subjetivo no crime de lavagem: cegueira deliberada”. Fux discorrerá sobre a “Importância do combate à corrupção e à lavagem de dinheiro” e Lins e Silva fará a palestra “Criminalidade econômica”.

O seminário também contará com outras participações, entre elas, do juiz federal Marcello Granado, presidente da Escola da Magistratura Regional do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, fará a palestra de abertura, e do desembargador Abel Gomes, do TRF da 2ª Região, falará sobre a “Contextualização do tema da lavagem de dinheiro: crimes de corrupção e fraudes em licitações”.

O desembargador Fausto de Sanctis (foto), do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, falará sobre os “Aspectos processuais da Lei de Lavagem de Dinheiro: medidas assecuratórias, administração de bens e alienação antecipada, perdimento e casos práticos”.

A programação inclui ainda as palestras “Compliance Criminal - atribuição de responsabilidade individual nos crimes empresariais”, do procurador regional da República Artur Gueiros; “Sistema financeiro e controle de atividades financeiras”, do Conselho de Controle de Atividades Financeiras, Antonio Gustavo Rodrigues; e “Inteligência e investigação”, do delegado da Polícia Federal Milton Fornazari Júnior. Com informações da assessoria de imprensa do IAB.

Revista Consultor Jurídico, 29 de novembro de 2014, 13h50

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 07/12/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.