Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Assistência judiciária

Convênio entre TRT-8 e faculdade paraense prevê atendimento com PJe

O Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região (PA/AP) e a Faculdade de Belém (Fabel) firmaram convênio, na última quinta-feira (22/5), para garantir a prestação de serviços de assistência judiciária gratuita aos autores de ações judiciais sem a presença de advogado. Além do atendimento especializado do jurisdicionado, o convênio prevê o treinamento dos acadêmicos para atuar com o Processo Judicial eletrônico.

De acordo com o convênio, a coordenação do curso de Direito da Fabel irá selecionar 20 alunos do 9º e 10º semestres, que serão capacitados no uso do PJe por técnicos do tribunal. A previsão é de que, em agosto seja iniciado o atendimento ao jurisdicionado que optar por ingressar na Justiça trabalhista sem um advogado.

“Essa vai ser uma prestação de serviço de qualidade e gratuita para aqueles que não têm como pagar um advogado. Com a capacitação oferecida, o tribunal contribui para a formação do novo profissional do Direito, já ambientado ao uso do PJe, sistema que logo estará implantado em todas as instâncias do Judiciário, seguindo a Resolução do Conselho Nacional de Justiça”, afirmou a juíza Nazaré Rocha, diretora da central de atendimento do Foro Trabalhista de Belém. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRT-8.

Revista Consultor Jurídico, 26 de maio de 2014, 15h23

Comentários de leitores

3 comentários

é uma boa oportunidade para medir eficiência, pois Exame da

analucia (Bacharel - Família)

é uma boa oportunidade para medir eficiência, pois Exame da OAB não mede nada, exceto decoreba.
o ideal é ouvir clientes da assistência jurídica para dizerem se estão satisfeitos,ou não, bem como o MEC.

Só não é pior porque não tem mais espaço

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

"O Iesp (Instituto de Ensino Superior do Pará), a Fabel (Faculdade de Belém) e a Esmac (Escola Superior Madre Celeste), localizadas na RMB (Região Metropolitana de Belém), são as instituições de ensino superior que mais tiveram alunos de Direito reprovado no V Exame Nacional da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil)."
fonte: http://www.jesocarneiro.com.br/educacao-e-cultura/belem-tem-as-3-piores-faculdades-de-direito-do-pa.html

Inédito

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

"serviço de qualidade e gratuita". Se isso acontecer de fato, vai ser a primeira vez na história.

Comentários encerrados em 03/06/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.