Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Plataforma moderna

T-DF testa novo módulo de acórdão eletrônico

A 1ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal passou a usar o novo Módulo do Acórdão Eletrônico para ganhar mais agilidade na tramitação processual.

O sistema implantado nesta quarta-feira (14/5) é integrado com a revisão das notas taquigráficas, ferramentas de gestão de trabalho e integrado com o sistemas de primeira instância. O módulo, segundo o TJ-DF, é mais adequado aos requisitos do Conselho Nacional de Justiça no que tange à utilização das Tabelas Processuais Unificadas.

O sistema, que está em funcionamento como projeto piloto na 3ª Turma Cível, há quase um ano, foi desenvolvido em substituição ao Acórdão em Tempo Real, usado desde novembro de 2006 quando a tramitação dos acórdãos passou a ser feita em meio eletrônico. Em 2011, foi implementada a tramitação e revisão das notas taquigráficas eletronicamente, agilizando o trâmite processual entre os gabinetes dos desembargadores.

Desde início de maio, servidores e magistrados vêm sendo treinados para operar o programa. Até o fim de maio, outras duas Turmas devem receber o programa que integra revisão das notas taquigráficas, ferramentas de gestão de trabalho. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-DF.

Revista Consultor Jurídico, 16 de maio de 2014, 13h35

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 24/05/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.