Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Aumento de 8,8%

Governo reajusta salário mínimo para R$ 788 a partir de 2015

Por 

A presidente Dilma Rousseff (foto) sancionou o aumento do salário mínimo. O valor básico para 2015 passa a ser de R$ 788, o que significa um aumento de 8,8% em relação ao valor pago em 2014 (R$ 724). A medida foi tomada um dia depois de o governo apresentar uma proposta que pode dificultar o acesso de empregados ao Fundo de Amparo ao Trabalhador e benefícios previdenciários.

De acordo com o Decreto Lei 8.381 publicado nesta terça-feira (30/12), a nova remuneração mínima para os trabalhadores passa a vigorar a partir do dia 1° de janeiro de 2015, próxima quinta-feira. O texto estabelece, também, que o valor mínimo para o dia de trabalho fica em R$ 26,27 e a hora, R$ 3,58. Segundo o texto, o valor segue a "política de valorização em longo prazo" do salário.

Segundo a tabela de preços do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o salário mínimo deveria ser de R$ 2.748,22 em janeiro deste ano. Ou seja, quase quatro vezes mais do que o montante pago. O valor apresentado pelo Dieese é calculado a partir do custo da cesta básica na cidade de São Paulo, considerando a determinação constitucional de o salário mínimo ser suficiente para suprir os gastos com moradia, alimentação, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência.

 Clique aqui para ler Decreto Lei 8.381.

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 30 de dezembro de 2014, 11h18

Comentários de leitores

4 comentários

E para os demais aposentados?

Luiz Fernando Vieira Caldas (Contabilista)

Quanto vai ser o índice para os aposentados que recebem mais de um salario mínimo? Tenho certeza que vai ser superior ao índice aprovado para os congressistas, Governadores, Ministros de Estado etc. E, como o Partido é dos TRABALHADORES, esse ano, excepcionalmente, vão corrigir todas as aposentadorias que estão defasadas, revogar a Lei que criou o famigerado FATOR PREVIDENCIARIO, inventado pelo Fernando Henrique e RATIFICADO p/Lula e Dilma. Sabem quem me contou isso? PAPAI NOEL.

E o indice dos aposentados que ganham acima do minimo?

Luiz Fernando Vieira Caldas (Contabilista)

Para os aposentados que recebem mais que o mínimo(por enquanto), o índice continuara a ser menor. Eu, por exemplo que sempre contribui com o máximo, continuo trabalhando para manter um padrão de vida razoável. Mudaram a regra do jogo em plena vigência do contrato. Ao aplicarem o famigerado "Fator Previdenciário" quando da concessão de minha aposentadoria, eu hoje, tenho uma defasagem de mais de R$1.000,00(mil reais). Sei que essa "preciosidade" chamada Fator Previdenciário, foi implantada no Governo do Lesa Pátria FHC. Mas, devidamente RATIFICADA, pelos seus sucessores(Lula e Estela, digo, Dilma), visto que até hoje nada fizeram para acabar
com essa vergonha. Tenho 65 anos e nesse momento estou me preparando para uma jornada de trabalho de 9:00 as 13:00h FELIZ ANO NOVO E VIVA O GOVERNO POPULAR DO PT.

vergonha!

WLStorer (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Brasileiro não é pacifico, é idiota mesmo. Em tempo, vale lembrar que pela média da carga tributária atual, no mínimo, R$ 283,00 serão pagos em impostos, ou seja, um salário mínimo real de R$ 505,00. FELIZ ANO NOVO!

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 07/01/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.