Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Listra tríplice

Membros do MP-RJ escolhem indicados para procurador-geral

Os membros do Ministério Público do Rio de Janeiro têm até às 17h desta segunda-feira (8/11) para votar nos três indicados da categoria para ocupar o cargo de procurador-geral de Justiça no estado. Os nomes serão remetidos ao governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), para que faça a nomeação. Geralmente, o mais votado da lista tríplice é o escolhido.

Apesar da possibilidade do MP remeter três nomes, apenas dois membros da instituição lançaram candidatura: o promotor Alberto Flores Camargo, titular da 2ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa da Cidadania, e Marfan Martins Vieira (foto), que concorre à reeleição.

A votação presencial ocorrerá entre 10h e 17h, nas urnas instaladas no auditório do 9º andar do edifício-sede do MP-RJ. O voto por correspondência poderá ser exercido pelos eleitores que se encontrarem, no dia da eleição, em férias, licença de qualquer natureza ou afastamento previsto em lei, assim como lotados ou em exercício nos órgãos de execução localizados fora da capital fluminense.

No entanto, somente serão computados os votos enviados a partir de 24 de novembro e recebidos até as 17h do dia da eleição. Após esse horário, será iniciada a apuração. Os nomes dos dois candidatos, por ordem de votação, serão encaminhados, em 1º de janeiro de 2015, ao governador do Estado, que terá 15 dias para nomear o novo chefe do MP-RJ.

O MP-RJ tem atualmente 909 membros ativos, sendo 191 procuradores de Justiça, 613 promotores titulares e 105 promotores substitutos. Com informações da Assessoria de Imprensa do MP-RJ

Revista Consultor Jurídico, 8 de dezembro de 2014, 16h11

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/12/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.