Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Argumentos fracos

EUA negam patente a 'iPad Mini' da Apple

O gabinete americano de marcas e patentes rejeitou o pedido da fabricante de computadores Apple de proteger a propriedade do nome de seu mini tablet por considerar os argumentos da empresa muito fracos. As informações são do portal UOL.

A multinacional tem até 24 de julho para justificar em que medida o "iPad Mini" é diferente e único. "Neste caso, tanto o componente individual quanto o componente resultante são uma descrição do objeto do demandante, mas não constituem uma criação única", afirma a comissão em sua decisão publicada no dia 24 de janeiro, mas que acaba de ser divulgada.

Se a Apple não demonstrar que o "iPad Mini" é um conceito diferente, não poderá "exigir direitos exclusivos sobre os termos que outros podem precisar para descrever seus bens ou serviços no mercado", acrescenta o documento.

O mini tablet da Apple foi colocado à venda em novembro de 2012. A tela mede 20 centímetros e pesa a metade que o iPad original, apenas 308 gramas.

Revista Consultor Jurídico, 31 de março de 2013, 13h07

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 08/04/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.