Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Nova direção

2 mil pessoas vão à posse solene de Marcos da Costa

A nova diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil de São Paulo, eleita em 2012 na chapa de Marcos da Costa, foi empossada em cerimônia solene na noite desta quinta-feira (14/3). Cerca de 2 mil pessoas foram ao Palácio de Convenções do Anhembi para prestigiar Costa e sua equipe. A solenidade contou com a presença de figuras importantes como o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin; o presidente do Conselho Federal da OAB, Marcus Vinícius Furtado Coêlho; o presidente do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, Newton de Lucca; e o vice-presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, José Gaspar Gonzaga Franceschini.

Marcos da Costa foi eleito com 59.770 votos (38,38% do total). Ele foi vice-presidente da entidade na última gestão de Luiz Flávio Borges D'Urso e chegou a exercer a presidência em 2012, quando D'Urso se licenciou para concorrer à prefeitura de São Paulo.

Compõem também a diretoria Ivette Senise Ferreira (vice-presidente), Caio Augusto Silva dos Santos (secretário geral), Antonio Fernandes Ruiz Filho (secretário-geral adjunto) e Carlos Roberto Fornes Mateucci (tesoureiro), que é presidente do Centro de Estudos das Sociedades de Advogados (Cesa). Para a presidência da Caixa de Assistência dos Advogados (Caasp) foi reeleito Fábio Romeu Canton Filho. Os conselheiros federais da gestão de Costa são o ex-presidente da OAB-SP Luiz Flávio Borges D'Urso, Marcia Regina Approbato Machado Melaré e Guilherme Octávio Batocchio. Há ainda outros 150 cargos, incluindo suplentes.

Também compareceram à solenidade de posse, que começou por volta das 20h, o presidente do Tribunal Regional da 15ª Região, Flavio Allegretti de Campos Cooper; a presidente do TRT da 2ª Região, Maria Doralice Novaes; os deputados federais Protógenes Queiroz (PC do B) e Arnaldo Faria de Sá (PTB); o procurador-geral de Justiça de São Paulo, Márcio Fernando Elias Rosa; o procurador-geral do estado de São Paulo, Elival da Silva Ramos; a secretária de Justiça do estado de São Paulo, Eloísa de Sousa Arruda; o presidente do Instituto dos Advogados de São Paulo, José Horácio Ribeiro; e o presidente da Associação dos Advogados de São Paulo, Sérgio Rosenthal. Também ocupavam lugar de honra os advogados Ophir Cavalcante Jr. — ex-presidente do Conselho Federal da OAB —, José Roberto Batochio, Alexandre de Moraes e Mário Sérgio Duarte Garcia.

O discurso de abertura foi feito por volta das 20h30 pelo presidente do Conselho Federal da OAB, Marcus Vinícius Furtado Coêlho, que foi muito aplaudido pelos presentes. Depois dele, foi a vez de D'Urso. Em um discurso de 45 minutos, o ex-presidente da OAB-SP fez um balanço de seu período à frente da entidade, que liderou por três gestões consecutivas, de 2004 a 2012.

“Encontramos a OAB falida em 2004, devendo muitos milhões de reais para a Caasp e outros tantos milhões para o Conselho Federal. Entregamos para a próxima gestão com R$ 80 milhões em patrimônio liquido”, discursou D'Urso. Sobre as batalhas travadas em sua gestão, o ex-presidente e atual conselheiro federal disse que travou “a luta contra a invasão dos escritórios de advocacia pela Polícia Federal” e “a luta para impedir que escritórios estrangeiros atuem no Brasil”.

Depois de D’Urso, Fábio Canton apresentou um balanço da Caasp, que presidiu também na última gestão.

Foi só às 22h40 que o novo presidente, Marcos da Costa, teve o microfone para falar ao público que foi ao evento prestigiar sua posse.

Advogados que estavam no evento sentiram a ausência do ex-presidente da OAB-SP e do Conselho Federal da OAB e pai da atual conselheira federal Márcia Melaré, Rubens Approbato Machado. Ele foi o pivô da briga na última eleição para o Conselho Federal da OAB, quando a OAB-SP apoiou Alberto de Paula Machado contra o presidente eleito Marcus Vinícius Furtado Coêlho. — Clique aqui para ler reportagem da ConJur sobre o assunto.

Revista Consultor Jurídico, 14 de março de 2013, 23h29

Comentários de leitores

5 comentários

Parabens colegas paulistas.

Raul Haidar (Advogado Autônomo)

Acredito que a gestão do dr. Marcos da Costa vai marcar história como uma das melhores da OABSP. A advocacia é constituida de todos nós e cada advogado é por si só um lider e uma liderança. A OABSP vai ser muito melhor com o dr. Marcos da Costa, sem dúvida alguma.O que estava errado foi consertado (finanças, por exemplo) e o novo presidente, um colega sério, que cultiva os bons costumes, terá todo o apoio dos advogados paulistas que amam nossa profissão. Parabens colegas paulistas! Nós merecemos!

Parabéns ao amigo Marcos da Costa

Dr. Alceu (Advogado Autônomo)

Quero parabenizar o presidente entrante Dr. Marcos da Costa e desejar-lhe bastante sucesso e uma profícua gestão, sem esquecer o presidente que sai, Luiz Flávio Borges D´Urso que mudou a história da advocacia paulista e certamente Marcos da Costa saberá dar continuidade às vitórias conquistadas e outras que virão.

Dr. Marcos da Costa e Dr. D´urso

Marcos Narbutis (Procurador do Município)

Assumir a Presidência da Ordem dos Advogados do Brasil é ao mesmo tempo uma honra e um desafio. Honra porque se trata do mais alto cargo que um advogado pode almejar dentro de sua instituição.
E desafio porque o papel da Ordem transcende os muros da entidade e assume, como compromisso moral e estatutário, a defesa da sociedade e da democracia.
PARABÉNS! Marcos Narbutis!

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 22/03/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.