Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Pressão no mensalão

Oposição no Congresso pede investigação contra Lula

Por 

Líderes do PSDB, do DEM, do PPS, do PSOL e da minoria na Câmara dos Deputados entraram, nesta segunda-feira (28/5), com representação criminal na Procuradoria-Geral da República contra o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. As legendas pedem que o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, instaure procedimento para investigar possíveis crimes de tráfico de influência, corrupção ativa e coação no curso do processo.

A representação é assinada pelos senadores Álvaro Dias (PSDB-PR), José Agripino (DEM-RN), Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) e pelos deputados federais Bruno Araújo (PSDB-PE), Rubens Bueno (PPS-PR) e Mendes Thame (PSDB-SP). Os cinco parlamentares requerem que, após as investigações, seja oferecida denúncia “em face da conduta flagrantemente antijurídica do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para que seja promovida a respectiva e necessária ação penal que os fatos reclamam”.

Os parlamentares fundamentam a representação na reportagem da revista Veja que circulou no final de semana. De acordo com a representação, a reportagem não trata de “mera especulação jornalística, posto que os fatos relatados pela revista Veja indicam duas testemunhas fundamentais para a elucidação dos fatos: o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Ferreira Mendes e o ex-ministro da Defesa Nelson Azevedo Jobim, que teria presenciado a conversa".

“O próprio ministro Gilmar Mendes teria afirmado à Veja que ficou ‘perplexo com o comportamento e as insinuações despropositadas do presidente Lula’. Já o ex-ministro Nelson Jobim teria confirmado à revista o encontro em seu escritório, mas deixou a entender que participou apenas de parte da conversa, as de ‘tom amigável’. Tudo indica a necessidade de que sejam ouvidos a respeito dos fatos”, justificam os parlamentares.

De acordo com Veja, o ministro Gilmar Mendes foi convidado para um encontro com Lula no escritório de Nelson Jobim, advogado, ex-presidente do Supremo e ex-ministro da Defesa do governo petista. Lula teria dito a Mendes que é inconveniente que o mensalão seja julgado antes das eleições e afirmado que teria o controle político da CPI do Cachoeira. Ou seja, poderia proteger Gilmar Mendes.

O encontro foi patrocinado por Jobim. Lula começou por oferecer “proteção” a Gilmar Mendes, no âmbito da CPI do Cachoeira, uma vez que ele teria a comissão sob seu comando. Gilmar reagiu negativamente e Jobim tentou consertar: “O que o presidente quis dizer é que o Protógenes pode querer convocá-lo”. Ao que Gilmar teria retrucado que, nesse caso, quem precisa de proteção é ele, pelas suas ligações com o esquema de Cachoeira.

Ao repetir que suas ligações com o senador Demóstenes nunca passaram dos limites institucionais, Lula teria perguntado sobre a viagem de Gilmar e Demóstenes a Berlim. “Vou a Berlim como você vai a São Bernardo do Campo. Minha filha mora lá. Vá fundo na CPI”. Mendes confirma o encontro com Demóstenes na Alemanha, mas garante que pagou as despesas da viagem de seu bolso.

O anfitrião do encontro entre Lula e Gilmar Mendes, Nelson Jobim, negou que o ex-presidente tenha feito pressão sobre o ministro do Supremo. Em entrevista ao jornal Zero Hora, do Rio Grande do Sul, Jobim disse: “Não houve nenhuma conversa nesse sentido. Eu estava junto, foi no meu escritório, e não houve nenhum diálogo nesse sentido. Foi uma conversa institucional. Lula queria me visitar porque eu havia saído do governo e ele queria conversar comigo. Ele também tem muita consideração com o Gilmar, pelo desempenho dele no Supremo. Foi uma conversa institucional, não teve nada nesses termos que a Veja está se referindo”.

Clique aqui para ler a representação.

Texto alterado às 21h10 para acréscimo de informações.

 é editor da revista Consultor Jurídico em Brasília.

Revista Consultor Jurídico, 28 de maio de 2012, 19h07

Comentários de leitores

13 comentários

Vejam que interessante!...

Richard Smith (Consultor)

.
trecho do post de hoje de REINALDO AZEVEDO no seu "blog":
.
"Rui Falcão, presidente do PT, parece ter escolhido o método Osama Bin Laden de comunicação com as suas 'células'. Quando tem algo a dizer, grava um vídeo. Hoje, gravou um novo vídeo. Volta a convocar a sociedade e a militância petista, desta vez para proteger Lula e o PT, que estariam sendo vítimas de uma nova conspiração. É o extremo da cara de pau! Os petistas estão preocupados porque Brasília inteira sabia da intensa movimentação de bastidores de Lula para tentar cabalar votos no Supremo. Ainda que tudo se resumisse a conversas e gestões amigáveis, tudo já seria absolutamente impróprio. Ocorre que o ApeDELTA foi muito além disso. A sua conversa com Gilmar Mendes caracterizou pura e simplesmente… chantagem!
.
Falcão põe em curso a estratégica que acusei no texto que deveria ter sido publicado no fim desta madrugada, que consiste em declarar a santidade de Lula, a intocabilidade de sua imagem — e, pois, a inaceitável iconoclastia daqueles que não respeitam o sagrado.
.
Quer saber, Falcão? Vá dar rasante ameaçador em outra freguesia!!! A Constituição e as leis é que põem limites em Lula, não é Lula que determina os limites da Constituição e das leis. Ainda que as massas saíssem às ruas para defendê-lo, conforme o senhor pretende, nem elas teriam o condão de jogar no lixo os códigos que nos regem. Na democracia não é assim, não!
.
Também ao senhor lembro a máxima: ou vocês se conformam em viver numa sociedade democrática, segundo as leis, ou dizem na cadeia, segundo as leis, por que não! Esse discurso de Falcão não deixa de ser uma forma velada de ameaça. Tal propósito, levado ao extremo, tem nome: terrorismo!"
.
Na pinta, não?!
.
PERDEU, PT! O POVO ACORDOU!

Anestesia geral ou coma induzido

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório)

O povo pode até estar acordando mas continuará sonolento o que o impede de agir. Isso tudo só acontece no Brasil, (país de povo ordeiro - ou seria cordeiro?). Aqui o sujeito está sendo sodomizado e pede desculpas por estar de costas. Enquanto a população não cerrar os punhos e dizer "basta" (nem que tenha que chegar as últimas consequências) nada mudará. Para compensar os últimos tropeços de Lula, certamente vai pedir a sua marionete que distribua algumas bolsas nas regiões mais altas do país.

Ride Pagliaccio...

Richard Smith (Consultor)

.
Imagine! NÃO TERÁ MAIS GOLPE! É por isso que a rataiada pestilenta e repugnante, a começar do seu chefe, guerrilheiro de boteco e de festim está tão agitada, guinchando desesperadamente!
.
Não que nós mereçamos, é claro, mas parece que Deus protege especialmente este País!
.
PERDEU, PT! O POVO ESTÁ ACORDANDO!

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 05/06/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.