Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

JULGAMENTO EM GUANTÂNAMO

Réus do 11 de setembro são acusados formalmente

Os cinco acusados pelos atentados terroristas de 11 de setembro foram formalmente acusados, pelo juiz James Pohl, neste sábado (5/5), em Guantânamo, Cuba, por conspiração, homicídio, ataques a alvos civis, destruição, sequestro de aviões e terrorismo. De acordo com o entendimento da corte, o grupo operou sob o comando de Khalid Sheikh Mohammed, de 47 anos e sob os auspícios da organização terrorista Al Qaeda. Sheikh Mohammed é prisioneiro da base americana na ilha cubana desde 2006.

Além de Sheikh Mohammed, os outros réus também foram todos responsabilizados  por executarem aquele que é considerado o maior ataque terrorista do Ocidente. A audiência deste sábado durou nove horas e foi marcada por alguns incidentes como o protesto de um dos prisioneiros sobre a idoneidade daquela corte e a manifestação de uma das advogadas pelo decoro, ao se vestir, das outras mulheres presentes. Além de realizarem orações, os prisioneiros permanecerem a maior parte da audiência em silêncio, sem tomar parte do que ocorria à sua volta

Os advogados dos réus apresentaram ressalvas quanto à legitimidade da Justiça Militar americana para julgar o caso. A previsão é que o julgamento se estenda por meses e que os réus sejam condenados à morte pela corte marcial em Guantânamo.

 

Revista Consultor Jurídico, 6 de maio de 2012, 18h01

Comentários de leitores

1 comentário

embuste

Zinaldo Costa Ferreira (Advogado Autônomo)

esse julgamento é um embuste.
Os presos são terroristas e sanguinários, porem merecem um julgamento transparente e amplo. Um julgamento por tribunais civis, e não militar. O EUA

Comentários encerrados em 14/05/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.