Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Treinamento no Judiciário

CNJ cria órgão de aperfeiçoamento de servidores

O Judiciário vai oferecer cursos de capacitação corporativa. Criado pela Resolução 111, de 2010, do Conselho Nacional de Justiça, o Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Servidores do Poder Judiciário (CEAJud), começa a funcionar em 2012. O plano é ambicioso: capacitar os cerca de 300 mil servidores da Justiça.

De acordo com o CNJ, a ideia é tornar a capacitação dos servidores um processo continuado e que abranja o maior número de servidores. Os funcionários que quiserem acompanhar a abertura dos cursos em seus estados devem acessar o portal www.cnj.jus.br/eadcnj.

Os primeiros cursos já começam em fevereiro, informa o órgão. Nos últimos dois anos, sem a ajuda do recém-criado CEAJud, a capacitação de servidores alcançou aproximadamente dois mil servidores do Judiciário, que precisaram ser aprovados nos cursos para receber seus certificados.

“Junto com a valorização salarial e do bom ambiente de trabalho, a capacitação é um dos maiores fatores de motivação dos servidores públicos. Além de motivá-los, os cursos são fundamentais para atualizar os conhecimentos desses servidores públicos”, explica o chefe do CEAJud, Diogo Albuquerque Ferreira.

A capacitação será através de ensino à distância. Ferreira conta que o trabalho desenvolvido em relação à educação à distância no Poder Judiciário foi reconhecido por meio de diversos prêmios conquistados ao longo de 2011.

Além de cursos nas áreas afins, como Direito e Administração Pública, também estão previstas disciplinas como Ética, Liderança e Língua Portuguesa. Também está prevista para este ano a elaboração de uma pesquisa que pretende conhecer as práticas e os desafios da educação coorporativa. Com informações da Assessoria de Imprensa do CNJ.

Revista Consultor Jurídico, 4 de janeiro de 2012, 17h05

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 12/01/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.