Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Domínio de mercado

Microsof acusa Google de concorrência desleal

A Microsoft juntou-se a outras companhias que estão preocupadas com o domínio do Google sobre o serviço de buscas online ao enviar reclamação formal à Comissão Europeia, o órgão regulador antitruste da União Europeia. A notícia, publicada nesta quinta-feira (31/3) pelo jornal O Estado de S. Paulo, foi divulgada pelo conselheiro-geral da Microsoft em seu blog na internet.

"Nossa ação centra foco em um padrão de ações que o Google tem tomado para cimentar sua posição dominante nos mercados de buscas online e publicidade vinculada a buscas, em detrimento dos consumidores europeus", disse Smith. "O Google envolveu-se num esquema para separar o acesso a conteúdos dos dados que os concorrentes precisam para mostrar resultados de pesquisa para os consumidores e para atrair anunciantes."

A UE abriu investigação formal no ano passado contra o Google. A questão é se a empresa manipula os resultados de pesquisa para fornecedores desfavorecendo provedores de serviços da internet, tais como ferramentas de comparação de preço, que concorrem com o Google. A comissão também está investigando acusações de que o Google limita as propagandas que podem ser apresentadas por operadores de sites que usam alguns dos seus serviços.

Se a investigação chegar à conclusão de que o Google realmente quebrou as leis antitrustes do bloco, a empresa pode ser multada. No entanto, casos similares anteriores — incluindo um contra a Microsoft — levaram anos para chegar a esta fase.

A Comissão Europeia manifestação do Google sobre a reclamação antitruste da Microsoft. "A Comissão anotou a queixa e, de acordo com o procedimento, informará o Google e vai pedir sua opinião sobre ele. Nenhuma outra informação será dada", disse um porta-voz para assuntos de concorrência da Comissão Europeia, em comunicado.

Revista Consultor Jurídico, 31 de março de 2011, 17h10

Comentários de leitores

1 comentário

Microsoft sempre apelando.

Hilton Daniel Gil (Advogado Autônomo - Civil)

A Microsoft é uma empresa moralmente questionável desde seu nascimento (Piratas do Vale do Silício demonstra perfeitamente isso), eis que atesta sua incompetência profissional copiando resultados do Google (http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2011/02/bing-usa-barra-do-ie-para-copiar-resultados-do-google.html) mas se acha vítima de concorrência desleal.

Comentários encerrados em 08/04/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.