Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Volta ao comando

Plenário do Senado reconduz Roberto Gurgel à PGR

O Plenário do Senado aprovou há pouco a recondução de Roberto Gurgel para o cargo de procurador-geral da República. Foram 56 votos a favor e 6 votos contrários. 

Apesar de a votação ser secreta, declararam voto favorável a Roberto Gurgel os líderes do governo, Romero Jucá (PMDB-RR); do PSDB, Mário Couto (PA); do PMDB, Renan Calheiros (AL); do PCdoB, Inácio Arruda (CE); do PRB, Marcelo Crivella (RJ); do DEM, José Agripino (RN); do PSOL, Marinor Brito (AP); do PR, Magno Malta (ES); do PP, Benedito de Lira (AL); do PMN, Sérgio Petecão (AC); do PTB, Gim Argello (DF); e os senadores Walter Pinheiro (BA) e Eduardo Suplicy (SP), que falaram pelo PT. 

Nesta quarta-feira (3/8), Roberto Gurgel já havia sido sabatinado pela Comissão de Constituição e Justiça, onde teve seu nome aprovado com 21 votos favoráveis e apenas um contrário. Ele foi questionado sobre casos de maior repercussão, como o do mensalão e o do ex-ministro Antonio Palocci. Além disso, ouviu críticas dos senadores aos excessos do Ministério Público. 

Nomeado pelo ex-presidente Lula em 2009 para o mandato que se encerrou no início de julho, Roberto Gurgel deve voltar a exercer a função pelos próximos dois anos. Cearense, o procurador é casado, tem dois filhos e é graduado pela Faculdade Nacional de Direito, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Foi advogado no Rio e em Brasília e ingressou no Ministério Público em 1982, por concurso público. Entre 2004 e 2009, foi vice-procurador-geral da República. As informações são da Assessoria de Imprensa do Senado Federal.

Revista Consultor Jurídico, 3 de agosto de 2011, 19h55

Comentários de leitores

2 comentários

Só fachada

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Não sei o motivo pelo qual se realizam essas sessões. Tudo já havia sido resolvido nos bastidores, muito longe das câmeras e fotógrafos.

VOTOS FAVORÁVEIS ao PROCURADOR GERAL DA REPÚBLICA

CCB1949 (Contabilista)

Quem soube VOTAR com o "DISSE DEUS: Haja Luz.E houve luz.
Sem dúvida hão de receber do CRIADOR DA LUZ,mais e mais fulgor em suas atuações parlamentares.Creiam nesta afirmação...
Os votos contrários,podem,algum dia,na escalada do TEMPO do GRANDE ARQUITETO do UNIVERSO,adotar a aprovação, daquele que sabe, pelo aprendizado público no cargo que se investiu por "concurso"quem ele de fato e de direito É....
Aplausos pela APROVAÇÃO...
João Ribeiro Padilha
Presidente de Honra do MNBD em São Paulo
OABSP 40385 AASP 8740
SP 040811 às 11h03

Comentários encerrados em 11/08/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.