Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Aval de credores

Justiça homologa plano de recuperação da Gradiente

A 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais do Tribunal de Justiça de São Paulo homologou, nesta segunda-feira (24/4), o plano de recuperação extrajudicial da Gradiente. O plano já havia sido aprovado no fim de janeiro pelos acionistas da fabricante de eletroeletrônicos e, de acordo com a lei, precisava da aprovação de mais de 60% dos credores da companhia, que reclamam valores de aproximadamente R$ 400 milhões. A Justiça, por sua vez, precisava referendar a adesão dos credores. A notícia é do jornal Valor Econômico.

A decisão foi homologada pelo juiz Caio Marcelo Mendes de Oliveira, o mesmo que decidiu sobre o processo de recuperação judicial da Bombril. "O juiz foi bastante cauteloso, o que dá segurança aos investidores", disse um investidor. "A homologação já poderia ter saído há mais tempo, mas ele fez questão de conversar com cada um dos credores para ter certeza de que o plano não teria reviravoltas".

Em dezembro, a Gradiente anunciou que o dinheiro pago pelo arrendamento da fábrica e da marca será usado para pagar os credores. A CBTD, empresa resultante do plano de restruturação da Gradiente, receberá aporte de R$ 130 milhões de novos investidores, sendo R$ 68 milhões em capital e o resto em dívida.

Revista Consultor Jurídico, 25 de maio de 2010, 12h55

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 02/06/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.