Consultor Jurídico

Entrevistas

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Notas Curtas

Réu foge pela janela durante pausa em audiência

Por 

Ao ver-se sozinho com a sua defensora no Fórum de Plácido de Castro (AC), o réu Wellington Marques de Lima não teve dúvidas: pulou a janela e ganhou o mundo. A defensora havia pedido suspensão da audiência para confabular com o acusado. O juiz e o promotor saíram da sala para que os dois conversassem. O réu provavelmente seria solto no final da audiência, já que se trata de acusação de pequeno potencial ofensivo. Mas o esperto preferiu antecipar sua liberdade. Tudo sob os pedidos da defensora para que não fizesse isso.

Luz na escuridão
Uns fogem, outros criam. Nesta quinta, em São Paulo, o Instituto de Defesa do Direito de Defesa (IDDD) lançou o livro e o DVD O Direito do Olhar — Publicar para replicar, com produções artísticas assinadas por mulheres encarceradas. As obras resultaram de concurso feito nas unidades prisionais. Ao evento compareceram os advogados Arnaldo Malheiros Filho, Marcio Thomaz Bastos, José Carlos Dias, José Luís de Oliveira Lima, e o secretário de Administração Penitenciária de São Paulo, Lourival Gomes. Saíram todos emocionados de lá depois dos discursos feitos pelas próprias artistas.

Nova Direção
O novo secretário de Comunicação do STF, Pedro Del Picchia, anunciou os nomes de seu estado-maior. Ruy Fernando Barboza, psicólogo e ex-comentarista da TV Record cuidará do relacionamento com a imprensa; Celso Eduardo Pupo cuidará da TV Justiça e Joyce Russi do serviço de rádio do tribunal.

Gilmar em SP
Na sexta (30/4), o ministro falará sobre seus desafios à frente do CNJ em almoço do Iasp, que será promovido em sua homenagem. O evento, que é mensal, acontece no Hotel Renaissance.

Portugal no Brasil
Na quinta (29/4), em São Paulo, será inaugurado o Centro de Mediação e Arbitragem da Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil. Um coquetel celebrará o evento. Estarão presentes a professora Selma Maria Ferreira Lemes e Antônio Sampaio Caramelo, especialistas no assunto.

Estreia programada
Christopher Townley (Reino Unido), Fréderic Jénny (França), Antônio Palocci, Nelson Jobim e Gilmar Mendes são alguns dos grandes nomes do seminário internacional que vai marcar a estreia do Centro de Estudos de Direito Econômico e Social (Cedes). No dia 4 e 5 de maio, o primeiro evento promovido pela entidade tratará sobre Direito Concorrencial.

Aborto inseguro
Em audiência pública, no próximo dia 3, a Assembléia Legislativa do Rio debaterá o dossiê A realidade do aborto inseguro: O impacto da ilegalidade do abortamento na saúde das mulheres e nos serviços de saúde do Rio de Janeiro. Participarão os médicos Mario Monteiro, Tizuko Shiraiwa, a pesquisadora do dossiê, Paula Viana e a advogada Rogéria Peixinho.

Engenharia e construção
O advogado Fernando Henrique Cunha, sócio do Tostes & Coimbra Advogados, fala sobre a importância de um método eficiente de administração de contratos, como forma de controlar riscos nos negócios. A palestra acontece nesta quinta-feira (29/4), às 14h30, em São Paulo, durante o evento “Riscos de Projetos de Engenharia e Construção”.

 é repórter da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 29 de abril de 2010, 3h29

Comentários de leitores

2 comentários

mais uma trapalhada da defensoria

daniel (Outros - Administrativa)

mais uma trapalhada da defensoria !!

Queria a Defensora fizesse o que ???

Defensor Federal (Defensor Público Federal)

Primeiramente é importante mudar os termos da matéria. A Defensora nao ser reunio com o réu para "confabular". Tal palavra possui viez erroneo. O direito do réo de se reunir reservadamente com seu patrono é clausula pétrea e direito fundamental.
Quanto a fulga do preso. Fico horrorizado como o CONJUR passou a fazer títulos de matérias com viez totalmente sensacionalista. Apenas lendo a matéria com calma se entende que na verdade, o que ocorreu, não é bem o que está escrito no título.
Agora pergunto. Queriam que a Defensora fizesse o que? Agarrasse no pescoço do reu pra ele não fugir?
Era só o que faltava ...

Comentários encerrados em 07/05/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.