Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Papo à distância

Presos vão poder se comunicar por sistema virtual

Uma tela semelhante a de um computador vai encurtar a distância entre os detentos e seus familiares. É o que pretende o Projeto Visita Virtual e Videoconferência Judicial, desenvolvido pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), órgão do Ministério da Justiça. Com investimento de R$ 1 milhão, um equipamento chamado Codex reproduz som e imagem possibilitando que  presos se comuniquem com suas famílias.

Os terminais já estão instalados em quatro penitenciárias federais e em cada uma das 27 Defensorias Públicas da União, localizadas em todos os estados e no Distrito Federal. No primeiro teste, um preso de Catanduvas, no Paraná, falou com a mãe, que estava no Amazonas. "É um direito dos presidiários. Nesse aspecto, a lei de execuções penais não diferencia o preso de alta periculosidade do de baixa periculosidade", declara Wilson Damásio, diretor do Sistema Penitenciário Federal.

Até o início de junho, o sistema vai funcionar nos complexos penitenciários federais localizados em Catanduvas (PR), Campo Grande (MS), Porto Velho (RO) e Mossoró (RN). As visitas poderão ser solicitadas pelos 479 detentos do sistema e agendadas a cada 15 dias.

A tecnologia de reprodução de imagem e som em uma tela de 15 polegadas tem o mesmo efeito dos sites de bate-papo. A diferença é em relação à transmissão de dados. A conexão é estabelecida por meio de uma rede segura. "A imagem e o som trafegam em uma rede VPN. Por dentro dela, não circulam outras informações", explica André Luiz Cunha, diretor de Políticas Penitenciárias do MJ. Com informações da Assessoria de Imprensa do Ministério da Justiça.

Revista Consultor Jurídico, 24 de abril de 2010, 15h16

Comentários de leitores

3 comentários

Ótima e atrasada

andreluizg (Advogado Autônomo - Tributária)

Alguns presos deveriam ter direito inclusive ao acesso à internet... Obviamente, nem pra todos e desde que monitorada... Já que em algumas cadeias, presídios e penitenciárias já fazem um estrago social usando apenas o celular...

o pior de tudo é o monopólio de preso pela Defensoria !

daniel (Outros - Administrativa)

o pior de tudo é o monopólio de preso pela Defensoria !
Este sistema também deveria estar disponível nas sedes da OAB e escritórios de advocacia. Ou será que a Defensoria atua como uma espécie de espião do Estado ??
Diz que defende, mas vigia os seus clientes...

INVESTIMENTO DE R$ 1 MILHÃO

WLStorer (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Alguém duvida que o Brasil não é um país sério?
"É um direito dos presidiários. Nesse aspecto", aproveitando "o mesmo efeito dos sites de bate-papo", também poderia ser desenvolvido o Projeto Visita Íntima Virtual. É bem melhor que falar com a mãe!

Comentários encerrados em 02/05/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.