Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Luta de classe

Policiais federais participam de mobilização

Delegados da Polícia Federal participam nesta quarta-feira (30/9) de ato público em apoio à solução para os Policiais Federais da terceira classe aprovados no concurso de 2004. A mobilização acontece em pontos diferentes do Brasil, como Brasília, Porto Alegre, Foz do Iguaçu e estados da Região Norte. Na Capital Federal, a concentração acontece em frente ao prédio do Ministério da Justiça, o Palácio da Justiça, a partir das 9h da manhã.

A paralisação de uma hora de duração tem pauta única: apoio à Exposição de Motivos Interministerial enviada pelo Ministério da Justiça ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) com proposta de solução para a situação dos policiais federais da 3ª classe aprovados em concurso público de 2004. De acordo com a Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) o movimento é uma forma de demonstrar aprovação à proposta.

A proposta foi elaborada a partir de nota técnica encaminhada ao Ministério da Justiça pela ADPF em conjunto com a Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF), Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) e pela administração da PF. O documento, que contempla toda a classe policial federal, que ingressou na Polícia Federal no concurso público realizado em 2004, propõe que o servidor dessa seleção que estiver no exercício ininterrupto do cargo ingressará na 2ª classe em um mês e deverá permanecer tanto na 2ª classe quanto na 1ª classe por cinco anos para ser promovido. Ou seja, esses policiais chegarão à classe especial em, pelo menos, 10 anos.

Além disso, a exposição do MJ sugere que a promoção desses policiais seja condicionada à avaliação de desempenho satisfatória e à conclusão, com aproveitamento, de curso de aperfeiçoamento. Com informações da Assessoria de Imprensa da ADPF.

Revista Consultor Jurídico, 30 de setembro de 2009, 11h51

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 08/10/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.