Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Vaga no Supremo

Para Jucá, sabatina de Toffoli deve ser tranquila

Um dia antes de ter sua indicação para ministro do Supremo Tribunal Federal analisada pelo Senado, o advogado-geral da União, José Antonio Dias Toffoli, esteve com o líder do governo na casa, Romero Jucá (RR), segundo informa a Agência Brasil.

“Foi uma conversa tranquila. Ele está tranquilo. Tem como qualidade ser um grande advogado e hoje ser ministro da AGU”, disse Jucá. O advogado-geral da União também visitou gabinetes de outros senadores para tratar de sua indicação. O líder do governo minimizou as críticas sobre o fato de Toffoli ter sido um dos advogados do PT nas campanhas eleitorais do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. “No momento em que vira ministro, cessa qualquer filiação partidária”, afirmou.

O senador Francisco Dornelles (PP-RJ) apresenta nesta quarta-feira (23/9) o parecer sobre a indicação de Toffoli na Comissão de Constituição e Justiça. Jucá disse que será uma votação tranquila e que irá cumprir todos os prazos regimentais.

Segundo o parlamentar, a sabatina, marcada para o dia 30, não será adiantada com o objetivo de evitar maior desgaste diante das críticas feitas a Toffoli. “Será uma votação sem quebra de interstício e sem açodamento”, comentou.

Na segunda-feira (21/9), a 2ª Vara Cível e Fazenda Pública de Macapá suspendeu os efeitos da condenação imposta pela Justiça do Amapá ao advogado-geral da União. Ele havia sido condenado, junto com três pessoas, em primeira instância, a restituir aos cofres do estado R$ 420 mil. O entendimento era de que a contratação do escritório de Toffoli para prestar serviços de advocacia ao estado seria ilegal. A licitação ganha pelo escritório do chefe da AGU não teve participação regular da Comissão Permanente de Licitação do estado. A decisão de suspender a condenação foi tomada após Toffoli apresentar recurso contra a sentença. (Clique aqui para ler mais)

Revista Consultor Jurídico, 22 de setembro de 2009, 16h32

Comentários de leitores

2 comentários

Baixo nivel

André (Advogado Autônomo)

Infelizmente o nível dos comentários está terrivel. Sempre leio o Conjur e muitas vezes faço comentário, mas algumas pessoas estão perdendo o bom senso e "atirando" à esmo.
Vamos melhorar o nível dos comentários pessoal.

o eterno lacaio se apresenta para limpar os sanitarios !

hammer eduardo (Consultor)

Palavra que poucas pessoas me causam tanto NOJO quanto este "elemento" que se lacaia das mais variadas formas para servir seu "amo supremo", o molusco 9 dedos. romero juca realmente é daquelas pessoas que precisariam fazer com urgencia um curso de pós-graduação com direito a extensão no quesito "puxação de saco a ceu aberto". Os demais "elementos" da malsinada tropa de choque ou base governista ou seja la a alcunha que se prefira , ao menos são ligeiramente mais comedidos , excessão poupada apenas para aquela histerica la de santa catarina da ideli salvati.
O molusco é MUITO mais inteligente do que todos imaginavamos pois simplesmente montou um excelente esquema automatico em que evita se expor em casos grotescos e que necessitem literalmente limpar as laterais do vaso sanitario com a propria escova de dentes , basta chamar o "jucá" que ele resolve tudo!
Esta sabatina com cartas pra la de marcadas que esta sendo armada certamente não fugirá a regra , a "matilha" governista vai se instalar desde cedo nas primeiras filas e dobrar os Senadores "serios" na base do cansaço com perguntas imbecis e interminaveis que apenas servirão ao unico proposito de dobrar pelo cansaço. O molusco JAMAIS vai correr o risco de ver o seu novo "office boy" do STF ser ameaçado de ter que sentar na "chapa quente" , entram em cena portanto os desentupidores de vaso sanitario.
Realmente o Brasil precisa ser urgentemente passado a limpo e esses bobos da corte apodrecida apresentados a seus eleitores ingenuos da forma como merecem. Bando de lacaios!

Comentários encerrados em 30/09/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.