Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Voto do relator

Mensalão mineiro já pode ser julgado no STF

O processo que apura os fatos relacionados ao mensalão mineiro já tem voto do relator, ministro Joaquim Barbosa. O inquérito foi colocado na mesa do Supremo Tribunal Federal para inclusão na Pauta do Plenário.

Em maio deste ano, o relator decidiu desmembrar o inquérito. Com a decisão, apenas o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) será investigado no STF. Cabe à Justiça Federal em Minas analisar o processo quanto a Marcos Valério e outros investigados.

O inquérito investiga a suposta prática dos crimes de peculato e lavagem de dinheiro, durante a campanha para a reeleição de Eduardo Azeredo ao governo de Minas Gerais. Caso a denúncia contra o senador seja aceita, ele passará à condição de réu em Ação Penal no STF. Com informações da Assessoria de Imprensa do STF

Inquérito 2.280

Revista Consultor Jurídico, 14 de setembro de 2009, 18h21

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 22/09/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.