Consultor Jurídico

Artigos

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

À procura da estabilidade

Procura por concursos aumenta devido à crise

Por 

Desde a Constituição de 1988, ficou garantida a realização de concursos públicos, democratizando qualquer vaga para o serviço público nas três esferas de poder. Com constantes turbulências econômicas, a procura por concurso público cresceu consideravelmente na última década em todo o país. 

Tal fenômeno foi comprovado em recente pesquisa publicada pela Associação Nacional de Proteção e Apoio ao Concurso – Anpac, revelando que em época de crise econômica essa procura se acentua ainda mais. Obviamente é compreensível que, em tempos de insegurança econômica e de possíveis demissões, o olhar do profissional passe a dar mais atenção para alternativas que lhe ofereçam estabilidade. Assim, a cada ano o mercado de concursos públicos cresce mais, lotando cursos preparatórios e provocando aumento nas vendas de materiais didáticos.

Em 2009, são inúmeras as ofertas de editais. Dados do orçamento da União, por exemplo, apontam 49 mil vagas confirmadas apenas para o Poder Executivo, ou seja, a administração pública federal. Isso sem contar os concursos para outros poderes da República, como os cargos estaduais, distritais e municipais. Aqueles que iniciarem seu processo de preparação imediatamente terão motivos para comemorar em 2010.

Afinal, o fantasma da insegurança será substituído pela certeza da estabilidade e de uma aposentadoria sem turbulências. Enfim, a busca pela estabilidade é uma realidade. O que deve ser feito é uma preparação séria, com horas de estudo focadas, para que esse momento de esforço e dedicação se transforme em tranqüilidade para toda a vida.

 é professor da Emerj, editor da Campus Elsevier e diretor da Cia dos Módulos

Revista Consultor Jurídico, 23 de janeiro de 2009, 19h00

Comentários de leitores

0 comentários

A seção de comentários deste texto foi encerrada.