Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Busca da verdade

OAB-MA pede agilidade para apurar morte de advogado

A seccional maranhense da OAB encaminhou o conselheiro estadual Mário Macieira e o presidente da Comissão de Direitos Difusos e Coletivos, Charles Dias, para acompanhar o inquérito que investiga o assassinato do advogado Almir Silva Neto, ocorrido em 22 de dezembro, em Barra da Corda, a 460 quilômetros de São Luis.

Os dois integrantes da ordem pediram para a delegada regional concluir os trabalhos. Ela informou que já foram enviadas prévias dos relatórios para a Justiça e para o Ministério Público. Em encontro com o juiz João Francisco Gonçalves da Rocha, eles pediram agilidade para o julgamento.

Almir Silva Neto foi assassinado com tiros e teve o corpo queimado no interior do seu carro. O que restou do corpo foi transferido para São Luís e submetido a exames pelos peritos legistas da polícia técnica. A OAB-MA tem acompanhado o caso desde o início.

Revista Consultor Jurídico, 22 de janeiro de 2009, 2h33

Comentários de leitores

1 comentário

"A TERRA DO NUNCA"

Joao Bosco Lencioni (Advogado Autônomo)

JACAREÍ,SP, DEVE PASSAR A SER CONHECIDA COMO A "TERRA DO NUNCA" , ONDE TUDO ACONTECE E NADA ACONTECE. NO CASO DE ASSASSINATOS TEM ALGUNS CASOS INSOLÚVEIS. DOIS ADVOGADOS, UM PRESIDENTE DA 46ª SEÇÃO, DR. ANGELO FILHO, E O OUTRO, DR. ROBERTO DONIZETE, FORAM ABORDADOS E ASSASSINADOS A TIROS POR DUAS PESSOAS DE MOTO. ISSO JÁ FAZ ANOS E ATÉ AGORA NINGUEM SABE QUEM OS MATOU. PIOR, NINGUEM ESTÁ INDIGNADO COM ISSO. PARABENS AOS QUE AINDA TEM A CAPACIDADE DE SE INDIGNAR, PARABENS A OAB-MA.

Comentários encerrados em 30/01/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.