Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Saúde e trabalho

Joaquim Barbosa tira 90 dias de licença médica

Ministro Joaquim Barbosa - Nelson Jr./SCO/STFO Tribunal Superior Eleitoral autorizou, nesta quinta-feira (19/2), que o ministro Joaquim Barbosa tire licença de 90 dias para que possa prosseguir tratamento de saúde. A licença vale a partir do dia 18 de fevereiro.

Segundo o ministro Carlos Britto, presidente do TSE, o ministro Joaquim Barbosa apresentou atestado médico com recomendação para que diminua a sua jornada.

O ministro sofre de dores causadas por problemas na coluna. O médico recomendou a Joaquim Barbosa a redução da atividade noturna para que possa repousar melhor. As sessões do TSE ocorrem nas noites de terça e quinta-feira, dias em que o ministro é obrigado a fazer jornada dupla.

Já prevendo as dificuldades que enfrentaria, o ministro fez uma proposta para que as sessões do TSE fossem transferidas para a parte da manhã, mas sua sugestão não foi aceita.

No Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa continuará atuando normalmente, mesmo que às vezes tenha de acompanhar as sessões de pé, apoiado no espaldar da carreira, como ocorre frequentemente.

 Nestes 90 dias, Joaquim Barbosa será substituído pelo ministro Ricardo Lewandowski.

Com informações do TSE e foto de Nelson Jr./TSE

Revista Consultor Jurídico, 19 de fevereiro de 2009, 21h47

Comentários de leitores

2 comentários

TSE

Roland Freisler (Advogado Autônomo)

Me precipitei. Vai ficar 90 dias afastado do TSE e não do STF. (essas siglas....) Acho que agora a coisa vai.

Minha nossa!

Roland Freisler (Advogado Autônomo)

Minha nossa! e os processos que estão "dormindo" na mesa dele há quase tres anos, principalmente um, de SC?????? As partes têm a imprssão de que "cuspiram na cruz".

Comentários encerrados em 27/02/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.