Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Audiência pública

População reclama de juiz acusado de pedofilia em PE

Uma audiência pública da Justiça movimentou o município de São José do Belmonte, em Pernambuco, esta semana. O corregedor-geral de Justiça, José Fernandes de Lemos, que chegou ao Fórum da cidade escoltado por policiais, ouviu apenas uma reclamação: as denúncias contra Francisco Assis Timoteo Rodrigues. O juiz, que atua na Vara da Infância e do Adolescente da região, é acusado de pedofilia, entre outros crimes.

De acordo com a Corregedoria, além dele, estão sendo investigados Severino Coutinho, da Comarca de Bonito, e um terceiro juiz que não teve o nome divulgado. Fernandes afirmou que os escândalos colocam em descrédito o Judiciário e tranquilizou os interessados em colaborar com a Corregedoria dando mais informações sobre os casos em investigação. "Daremos segurança a essa pessoa. Que ninguém se sinta aqui com qualquer tipo de receio, nem de ameaça para denunciar uma irregularidade", afirmou.

O Tribunal de Justiça já abriu um processo administrativo contra Assis e o afastou do cargo. Durante a audiência pública, o corregedor-geral informou que o juiz já vinha sendo investigado há quatro anos pela própria Corregedoria e pelo Serviço de Inteligência do TJ-PE. Ele é acusado de formação de quadrilha, de envolvimento em homicídios e pedofilia. Segundo as denúncias, houve festas com crianças e adolescentes na casa do juiz em São José do Belmonte.

Revista Consultor Jurídico, 10 de dezembro de 2009, 16h30

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 18/12/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.