Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Concentração de mercado

Cade aprova aquisição de distribuidora pela Abril

O Grupo Abril ganhou um reforço na distribuição de periódicos. O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a aquisição da distribuidora Fernando Chinaglia pelo conglomerado, que agora terá uma nova empresa para distribuir livros, assinaturas e revistas, a Treelog, que terá 100% do mercado de distribuição de revistas no Brasil. A informação é do Portal Exame.

A restrição imposta pelo conselho, no entanto, foi de que o grupo venda os distribuidores regionais da Fernando Chinaglia em São Paulo e no Rio de Janeiro e mantenha por três anos o fluxo de títulos da distribuidora.

Leia abaixo a reportagem publicada nesta quarta-feira (26/8) no portal.

Cade aprova compra da Fernando Chinaglia pelo Grupo Abril

A transação foi aprovada com algumas modificações negociadas com o Cade e que serão atendidas pela Abril

26.08.2009 | 16h59

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou por unanimidade a aquisição da Fernando Chinaglia Distribuidora pelo Grupo Abril, anunciada em outubro de 2007. A Editora Abril, que edita EXAME, faz parte do Grupo Abril.

A Fernando Chinaglia é a segunda maior distribuidora de revistas do Brasil. Com a transação, o Grupo Abril criou uma nova empresa, a Treelog, que unificou a distribuição de livros (das editoras Ática e Scipione), de assinaturas (Editora Abril e outros clientes) e de revistas (Dinap e Fernando Chinaglia).

As operações comerciais e as marcas Fernando Chinaglia e Dinap foram mantidas com administração e operações independentes.

A transação foi aprovada com algumas modificações negociadas com o Cade e que serão atendidas pelo Grupo Abril. Os distribuidores regionais da Fernando Chinaglia em São Paulo e no Rio de Janeiro terão de ser vendidos.

A Treelog comprometeu-se, por um período de três anos, a manter o fluxo de títulos da Fernando Chinaglia distribuído por essas novas distribuidoras. As condições dos contratos atuais com as editoras serão mantidas nesse prazo.

O Grupo Abril também firmou um compromisso com o Cade para estabelecer uma política de não-exclusividade no serviço de distribuição de revistas para pontos de vendas, sejam distribuidores regionais ou editoras.

De acordo com Douglas Duran, vice-presidente de Finanças e Controle do Grupo Abril, a resolução do Cade favorece o mercado. "A união de distribuição e logística de Dinap e Fernando Chinaglia é fundamental para tornar a operação mais racional e se apresentar como uma alternativa perene e viável para o mercado de pequenas cargas e produtos editoriais," afirma.

Segundo o presidente executivo do Grupo Abril, Giancarlo Civita, "a decisão veio ao encontro de nossa missão de levar informação, cultura, educação e entretenimento ao maior número possível de brasileiros".

Revista Consultor Jurídico, 26 de agosto de 2009, 21h43

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 03/09/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.