Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Nota de falecimento

Morre o ministro aposentado Lauro Franco Leitão

Morreu em Brasília, na noite de quinta-feira (20/8), o ministro aposentado Lauro Franco Leitão, do extinto Tribunal Federal de Recursos. O corpo está sendo velado na manhã desta sexta-feira (21/8) no auditório do Superior Tribunal de Justiça. Natural de Soledade, Rio Grande do Sul, o ministro tinha 91 anos. 

Ele ingressou no TFR em 1977 e chegou à presidência do Tribunal no biênio 1985/1987. Aposentou-se em novembro de 1987, ao completar 70 anos. Entre as diversas atividades exercidas, o ministro Lauro Leitão foi professor de Direito do Centro de Ensino Unificado de Brasília desde 1968. 

Na sua longa carreira de jurista, ele deu sua contribuição a vários importantes projetos de leis. É autor do livro “Direito das Coisas” e de diversos textos de conferências, trabalhos e pareceres. Era bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Lauro Franco Leitão foi também deputado federal em quatro mandatos sucessivos pelo PSD e Arena, de 1963 a 1977, quando renunciou ao mandato. Com informações da Assessoria de Imprensa do Superior Tribunal de Justiç

Revista Consultor Jurídico, 21 de agosto de 2009, 10h53

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 29/08/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.