Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Reposição salarial

Judiciário paulista faz paralisação na quarta

Servidores do Judiciário paulista planejam uma hora de paralisação e Operação Padrão, na próxima quarta-feira, 29 de abril. De acordo com informações da Assojubs - Associação de Base dos Servidores e Funcionários do Poder Judiciário do Estado de São Paulo -, o ato é uma resposta ao Tribunal de Justiça, que se nega a apresentar um índice de reposição salarial de 14,69% e negociar a pauta de reivindicações, que inclui melhores condições de trabalho e implantação do Plano de Cargos e Carreiras.

A paralisação será feita entre 14h e 15h. Em Santos, os servidores permanecerão na porta do Fórum Central, de braços cruzados, vestindo coletes e munidos do material da campanha salarial 2009. Com a iniciativa, a categoria visa divulgar os problemas enfrentados pelos servidores e ainda mostrar a indignação da categoria com o desrespeito demonstrado pelo Tribunal de Justiça.

Revista Consultor Jurídico, 27 de abril de 2009, 17h36

Comentários de leitores

2 comentários

HA HA HA

Cleiton Silva Germano (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

Frase do Ministro Joaquim Barbosa adaptada aos Ilustres Desembargadores que pretendem negociar: "VÁ AS RUAS EXMO., VÁ AS RUAS".
O tribunal se nega a negociar e participa de eventos como semana nacional de conciliação e coisas similares, não faz nem a lição de casa e pretendem o que????
NO dia que abrirem a caixa preta do Judiciário teremos medo do que vamos ver.

BLEFE

Francisco Lobo da Costa Ruiz - advocacia criminal (Advogado Autônomo - Criminal)

QUEM SERÁ O NEGOCIADOR TOGADO? O DO EPISÓDIO ANTERIOR?

Comentários encerrados em 05/05/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.