Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Abastecimento de carros

Prefeito é cassado por uso da máquina administrativa

O Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe decidiu pela cassação do prefeito eleito da cidade de Neópolis, Carlos Roberto Guedes, por uso da máquina administrativa. O TRE se baseou no parecer do procurador regional eleitoral, Paulo Gustavo Guedes Fontes.

Carlos Roberto foi investigado por ter empregado recursos da prefeitura no abastecimento de veículos de sua campanha eleitoral. Ele já tinha sido cassado pela juíza eleitoral Rosivan Machado da Silva e ajuizou recurso no TRE na tentativa de reformar a determinação.

O procurador regional eleitoral Paulo Gustavo Guedes Fontes sustentou que “o uso da máquina administrativa ficou comprovado, pois da relação de abastecimento enviada pelo posto de combustível constavam carros de familiares do prefeito, de correligionários, de trios elétricos e carros de som”.

O juiz relator no TRE-SE, Álvaro Fraga, acompanhou em seu voto o entendimento do Ministério Público Eleitoral e votou pela cassação. Foi acompanhado pelos colegas por unanimidade. *Com informações da Assessoria de Imprensa do TRE de Sergipe

Revista Consultor Jurídico, 24 de abril de 2009, 6h47

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 02/05/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.