Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Semana de fiscalização

TRT de Campinas terá correição até a próxima sexta-feira

O corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro João Oreste Dalazen, fará a partir desta segunda-feira (29/9) correição periódica ordinária no Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, em Campinas (SP).

Neste primeiro dia, o corregedor-geral estará à disposição dos interessados — juízes, advogados, partes e representantes da sociedade — que desejarem marcar audiências, preferencialmente das 9h às 12h e das 14h às 18h, na sede do TRT.

O ministro receberá, ainda, durante todo o período, reclamações correicionais, que podem também ser encaminhadas à Corregedoria-Geral, em Brasília. Na sexta-feira (3/10), o corregedor-geral concede entrevista coletiva, na qual fará um resumo do que for observado no TRT-15 durante a correição, e faz a leitura pública da ata.

Em outubro do ano passado, a correição feita no TRT de Campinas constatou a existência de 330 mil processos em fase de execução. O ministro Dalazen considerou a cifra “impactante” e recomendou ao TRT a adoção de medidas urgentes para diminuir este saldo — entre elas a adoção de sentença líquida, a criação de um juízo conciliatório específico para essa fase processual e a centralização, numa mesma Vara do Trabalho, de processos de execução contra os mesmos executados, o que aumenta a possibilidade de acordo e facilita os leilões.

Revista Consultor Jurídico, 29 de setembro de 2008, 14h40

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 07/10/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.