Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Dor da derrota

Candidato que perdeu várias eleições pede indenização

Carlos Antônio de Freitas quis culpar o Estado pela ingratidão dos eleitores. Depois de perder diversas eleições em Goiás, Freitas entrou na Justiça reclamando uma indenização de R$ 20 milhões por danos morais e materiais pelas derrotas. No entanto, no Tribunal Superior Eleitoral, conseguiu apenas sofrer outra derrota.

Durante o julgamento, o pedido gerou reações de surpresa dos ministros pelo ineditismo do caso. A última derrota eleitoral de Freitas aconteceu em 2006 quando se candidatou a deputado federal.

O eterno candidato afirma ter suportado gastos em uma região de difícil acesso para fazer campanhas, inclusive correndo perigo de vida. Diz ainda que ainda não foi diplomado, embora esteja na 10ª posição e que seu partido, o PMDB de Goiás, tem 17 vagas.

Após afirmar que a petição era “extremamente confusa”, o ministro Eros Grau negou andamento ao pedido argumentando que o Tribunal Superior Eleitoral não é competente para julgar tal pedido.

Ag/Rg na Pet 2.839

Revista Consultor Jurídico, 4 de setembro de 2008, 0h00

Comentários de leitores

7 comentários

Pessoal, Não esqueçam de consultar o site d...

Linda (Outros)

Pessoal, Não esqueçam de consultar o site da Associação dos Magistrados Brasileiros - AMB (www.amb.com.br), para ter acesso aos candidatos que respondem a processo, são eles: Aline Côrrea - vice-prefeita do PP com 01 processo Paulo Maluf - Prefeito do PP com 07 processos Gilberto Kassab - Prefeito do DEM com 01 processo Marta Suplicy - Prefeita do PT com 09 processos. Para consultar os vereadores (mandato anterior) acesse o site www.transparencia.org.br e www.excelencias.org.br "O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons" Martin Luther King

E a OAB-GO? Que posição tomou?

Lauro (Advogado Autônomo)

E a OAB-GO? Que posição tomou?

Quanta babaquisse. Essa é para ficar na ESTÓRI...

Zito (Consultor)

Quanta babaquisse. Essa é para ficar na ESTÓRIA.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 12/09/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.