Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Luto na advocacia

Missa de 7º dia do advogado José Sady será nesta segunda-feira

A missa de sétimo dia do advogado João José Sady será nesta segunda-feira (14/7), às 19h, na Igreja São Francisco, no Largo São Francisco, em São Paulo. Sady morreu na segunda-feira passada, aos 59 anos, vítima de câncer.

Sady fora um dos mais atuantes conselheiros e coordenadores da Comissão de Direitos Humanos da OAB-SP, na gestão 2001-2003. À frente da Comissão, lutou pela preservação dos direitos dos adolescentes infratores, da população carcerária e dos sem-terra, combatendo a violência em todas as suas formas. Ele também colaborou ativamente com a revista Consultor Jurídico, com artigos e sugestões de reportagens.

O advogado era formado pela Universidade Católica de Santos, turma de 72. O secretário-geral da OAB paulista, Arnor Gomes da Silva Júnior, disse que com a morte de Sady “perdem os amigos, perde a OAB por sua vigorosa atuação no conselho, perde a academia um dos seus melhores professores e perde a advocacia trabalhista por ser ele um dos mais combativos advogados.”

Luiz Carlos Moro, conselheiro trabalhista da Associação dos Advogados de São Paulo (Aasp), também lamentou a morte do colega. “Sady sempre se pautou pela absoluta coerência e correção no tratamento das partes e dos colegas, sem nunca abrir mão de suas convicções”, diz.

“O advogado teve uma participação sindical importantíssima e ajudou na formação de novas normas e dissídios coletivos, com sustentações históricas. Também ajudou na construção do Direito Coletivo”, lembra Moro. “Perdemos um grande professor”, afirmou.

O presidente da seccional paulista da OAB, Luiz Flávio Borges D´Urso, que estava fora do país na ocasião, enviou por telegrama condolências à família de Sady, lamentando a perda precoce do advogado e lembrando sua destacada atuação na advocacia trabalhista e em defesa dos direitos humanos.

Revista Consultor Jurídico, 13 de julho de 2008, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 21/07/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.