Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Falta em audiência

Ambev falta em audiência e será investigada por assédio moral

Depois de oito meses de negociação, a Companhia de Bebidas das Américas (Ambev) faltou à audiência de conciliação marcada para quinta-feira (3/7) na Procuradoria Geral do Trabalho (PGT). A reunião fixaria acordo nacional relativo às repetidas condenações por assédio moral contra trabalhadores da empresa. O termo de compromisso estava pronto desde o dia 27 de junho.

Quatro Procuradorias Regionais do Trabalho (PRTs) estavam com procedimentos de investigação suspensos em razão do acordo que se buscava com a empresa. No Pará, a PRT já determinou a instauração de inquérito civil para que as apurações sejam retomadas.

A empresa terá 15 quinze dias para prestar ao MPT local informações sobre empregados da Ambev no Pará. Entre os dados requisitados estão o número de filiais e empregados no estado, relação de empregados que tiveram contrato de trabalho extinto nos últimos sete anos e de ações movidas por ex-empregados por assédio moral e acidente de trabalho, além dos nomes dos responsáveis por cobranças relativas a metas de desempenho de cada uma das unidades paraenses da empresa.

A Justiça trabalhista no Brasil tem condenado, constantemente, empresas que humilham funcionários para atingir metas de vendas.

Revista Consultor Jurídico, 5 de julho de 2008, 1h00

Comentários de leitores

3 comentários

É desta forma que estão ganhando o mundo para t...

Murassawa (Advogado Autônomo)

É desta forma que estão ganhando o mundo para tornar-se a maior cervejaria do planeta, ou seja, escravizando seus empregados para mais e mais ganhar, por estas e outras que a LEI SECA veio a calhar para barrar a ganancia desse conglomerado.

Isto acontece desde o tempo da fusão com a Anta...

Zito (Consultor)

Isto acontece desde o tempo da fusão com a Antarctica com a atual empresa em todo o país.

QUEREM SABER??? Estas grandes empresas não e...

Carlos (Advogado Sócio de Escritório)

QUEREM SABER??? Estas grandes empresas não estão um milímetro preocupadas com acordo nenhum. Elas sabem que podem levar o caso para o lento Poder Judiciário e, lá na frente, depois de ANOOOOS, aparece um juiz daqueles que adoram passar a mão em cabeça de bandido e condenará a AMBEV a pagar uns 10 mil reais. MPT, entrem com uma ação civil pública. DEMORARÁ ANOS, massssss Carlos Rodrigues berodriguess@yahoo.com.br

Comentários encerrados em 13/07/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.