Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Preço da brincadeira

Americano é denunciado por passar trote em guarda costeira

Um homem foi denunciado nos Estados Unidos por ter aplicado um trote na Guarda Costeira da Flórida, em Miami. Ele pediu socorro para nove pessoas que estariam com seu barco afundando no Atlântico. O chamado era falso.

Robert J. Moran, de 45 anos, pode pegar até cinco anos de prisão e pagar fiança de US$ 250 mil, mais os custos dos esforços de resgate da Guarda Costeira. O julgamento está marcado para o próximo dia 30 de outubro.

Numa chamada via rádio, feita em 11 de junho passado, ele afirmou que cinco adultos e quatro crianças estavam naufragando num barco de 33 pés chamado Blue Sheep, que começava a fazer água próximo ao atracadouro de Boynton Beach, na Flórida.

Um avião, helicópteros e barcos acionados não encontraram nada após terem rastreado, em dois dias, mil milhas quadradas de oceano. Segundo as autoridades dos Estados Unidos, a busca custou mais de US$ 347 mil.

Claudio Julio Tognolli, com informações do site Find Law.

Revista Consultor Jurídico, 23 de agosto de 2006, 11h32

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 31/08/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.