Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Moderno ou antigo

Médico e hospital brigam por aparelho de tomografia

Por 

A substituição de um aparelho de tomografia antigo por um novo na Sociedade Portuguesa de Beneficência em Santos (SP) rendeu um processo ao hospital movido pelo médico neurologista Faustino Pacheco Filho. O médico quer que o hospital continue a usar o aparelho antigo que, segundo os autos, ele comprou em sociedade com outro médico.

A discussão chegou ao Órgão Especial do Tribunal de Justiça de São Paulo e, por enquanto, está a favor do médico: por dois votos a um fica o aparelho antigo. Na quarta-feira (9/8), o desembargador Laerte Nordi trouxe o seu voto-vista a favor da utilização do novo equipamento pelo hospital.

“Não são os litigantes que vão decidir qual aparelho será mantido no hospital. E entre o benefício ao autor da ação e à sociedade, fico com a segunda.” Por isso, declarou improcedente o pedido para que seja utilizado o antigo equipamento. Mas o julgamento foi adiado com novo pedido de vista.

O hospital alegou que o novo aparelho é mais moderno e produz imagens mais nítidas, por isso traz benefícios à sociedade.

Rcl 128.976

 é repórter do jornal DCI.

Revista Consultor Jurídico, 13 de agosto de 2006, 7h00

Comentários de leitores

1 comentário

Médico com aparelho antigo deveria ter sido con...

KCL (Médico)

Médico com aparelho antigo deveria ter sido convidado pelo Hospital para providenciar a troca do tomógrafo por um mais moderno, pois este médico teve um investimento inicial e ajudou o Hospital a movimentar serviço de tomografia, o Hospital não pode simplesmente descartá-lo criando uma concorrência comprando outro aparelho.

Comentários encerrados em 21/08/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.