Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Máfia das sanguessugas

Deputado pede direito de resposta no jornal O Globo

O deputado federal Eduardo Consentino da Cunha (PMDB-RJ) recorreu ao Tribunal Superior Eleitoral para pedir direito de resposta no jornal O Globo, que teria acusado o parlamentar de envolvimento com a Máfia das Sanguessugas. O mesmo pedido foi negado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro.

Eduardo da Cunha alega que, no dia 9 de julho, o jornal publicou reportagem “imputando-lhe acusações extremamente vexatórias e criminosas” ao incluí-lo entre os investigados pela Operação Sanguessuga. O jornal teria destacado, em um quadro na mesma reportagem, a quantidade de projetos de lei de autoria do parlamentar não aprovados, o número de faltas no exercício da função e os gastos com verbas indenizatórias.

O deputado federal requer que o TSE reforme o acórdão do tribunal fluminense e determine a publicação da resposta no jornal, no mesmo espaço “que foi dado para atacar diretamente sua honra, moral e idoneidade como parlamentar”. O relator do recurso é o ministro Cesar Asfor Rocha.

REspe 26.223

Revista Consultor Jurídico, 8 de agosto de 2006, 7h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/08/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.