Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Visita marcada

CNJ deve inspecionar em maio situação do Judiciário baiano

O corregedor do Conselho Nacional de Justiça, ministro Antônio de Pádua Ribeiro, deve ir à Bahia nos dias 8 e 9 de maio para inspecionar a situação do Judiciário. Os advogados têm reclamado que a Justiça no estado está caótica.

O anúncio da inspeção foi feito pelo presidente da seccional baiana da OAB, Dinailton Oliveira, durante reunião do Colégio de Presidentes da OAB durante este feriado em Belo Horizonte.

Além do corregedor, devem ir à Bahia os conselheiros do CNJ Oscar Argollo, Alexandre de Moraes, Marcus Faver e Ruth Carvalho, relatora do procedimento.

O presidente da OAB-BA afirmou, na capital mineira, que a Justiça da Bahia “precisa passar por mudanças profundas, de modo a ter uma estrutura decente para bem atender à população. Chegamos a afirmar mesmo, em determinado momento, que a Justiça na Bahia não existia”. Segundo ele, faltam juízes em dezenas de comarcas e 7 mil serventuários.

“A visita da comissão do CNJ na Bahia já será um grande estímulo para que as mudanças necessárias na Justiça do estado ocorram e para que o Tribunal de Justiça seja estruturado de modo a atender adequadamente aos jurisdicionados”, afirmou Oliveira.

Revista Consultor Jurídico, 22 de abril de 2006, 18h24

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 30/04/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.