Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Encontro nacional

Corregedores-gerais de Justiça debatem Judiciário no Rio

Por 

Corregedores-gerais de Justiça de todo o país vão se reunir por dois dias no Rio de Janeiro, a partir desta quinta-feira (20/4). O objetivo é discutir experiências comuns e adaptá-las à realidade de cada estado.

Depois da abertura do encontro, que será feita pelo presidente do Tribunal de Justiça fluminense, desembargador Sergio Cavalieri Filho, começa o debate “O Poder Judiciário e os novos tempos”, que será coordenado pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça Antônio Pádua Ribeiro, também corregedor nacional de Justiça.

Logo depois, o juiz Luiz Umpierre de Mello Serra, auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça do Rio, falará sobre o “Sistema informatizado de controle dos atos extrajudiciais”, juntamente com o secretário da Corregedoria, Renato Cardoso Soares.

À tarde, haverá o painel “Plano de Ações de Fiscalização da Corregedoria-Geral de Justiça”, com a participação de o juiz auxiliar da Corregedoria da Justiça de Minas Gerais, Luiz Carlos de Azevedo. Os trabalhos do dia se encerrarão com a exposição do juiz auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça do Rio, Flavio Cintra, que abordará o tema “Monitoramento Judicial”.

“A informatização das atividades da Corregedoria” será a primeira palestra de sexta-feira (21/4). O expositor será o juiz auxiliar da Paraíba, Euler Jansen. Mais tarde, haverá o painel “Método Ordem de Gerenciamento para resultados, o Sistema Informatizado de Primeira Instância — Apolo — e os Sistemas de Controle de Produção (CPC e SPC)”.

O encontro será encerrado pelo corregedor-geral do Rio, Manoel Carpena de Amorim, que falará sobre “Ouvidoria Judicial — um instrumento de cidadania”.

 é jornalista.

Revista Consultor Jurídico, 20 de abril de 2006, 7h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/04/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.