Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Plano de carreira

Servidores da Justiça federal fazem greve em nove estados


Os trabalhadores do Judiciário Federal iniciaram uma greve da categoria pela aprovação do projeto de lei que revisa o Plano de Cargos e Salários da categoria. De acordo com a Fenajufe — Federação Nacional dos Juízes Federais, em nove dos 27 estados os servidores decidiram cruzar os braços a partir desta quinta, 24 de novembro. Entre eles São Paulo, Distrito Federal, Minas Gerais, Maranhão e Rio Grande do Sul. Em alguns estados estão marcadas assembléias diárias de avaliação do movimento.

A paralisação, aprovada na reunião nacional da categoria, deve durar até que o Conselho Nacional de Justiça aprove o projeto do PCS e libere a tramitação dele no Congresso Nacional. O CNJ deve se reunir na próxima terça-feira ( 29/11), em Brasília, em sessão extraordinária que tem entre os pontos de pauta a apreciação da proposta. No mesmo dia está marcada Assembléia Geral em São Paulo, a partir das 15 horas, no Fórum Cível Pedro Lessa, na avenida Paulista.

Confira como está a greve nos estados, segundo a Fenajufe:

Rio Grande do Sul — Greve geral a partir de 24 de novembro, em todos os órgãos do Judiciário Federal.

São Paulo — Greve em todo o Judiciário Federal a partir de 24 de novembro.

Bahia — Tribunal Regional do Trabalho: greve a partir de 24 de novembro, com avaliações diárias. Justiça Federal e Tribunal Regional Eleitoral: greve de 48 horas nos dias 28 e 29 de novembro.

Distrito Federal — Greve a partir de 24 de novembro. Todos os dias, o Sindjus/DF fará atos públicos, com concentração a partir das 14h. Nessa sexta (25) em frente ao TJ-DF. Na segunda e na terça-feira, as atividades serão em frente ao STF. Na terça (29), quando o CNJ apreciará o parecer, a concentração será a partir das 9h.

Minas Gerais — Greve de 48 horas nos dias 28 e 29 de novembro, em todo o Judiciário Federal.

Santa Catarina — Paralisação de 24 horas no dia 24 de novembro.

Rio de Janeiro — Greve a partir de 24 de novembro, com assembléias de avaliação no final do dia. TRF: paralisação de 24 horas no dia 24 de novembro.

Pernambuco — TRT: greve a partir do dia 24/11 até o dia 29/11, com assembléias de avaliação todos os dias.

Ceará/JE — Paralisação de uma hora [16 a 17h] no dia 28 e de 2 horas [16 a 18h] no dia 29.


Revista Consultor Jurídico, 25 de novembro de 2005, 11h05

Comentários de leitores

1 comentário

Só assim! Fortaleçamos a Democracia!

Luís da Velosa (Advogado Autônomo)

Só assim! Fortaleçamos a Democracia!

Comentários encerrados em 03/12/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.