Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Seguridade social

Congresso debate questões ligadas à Previdência Social

Começa nesta quinta-feira (3/11) o I Congresso Brasileiro de Seguridade Social, na cidade catarinense de Balneário Camboriú. O evento, promovido pela Abes — Associação Brasileira de Estudos da Seguridade Social, termina no sábado (5/11).

O objetivo do congresso é debater questões ligas à Previdência Pública e Privada. Entre os palestrantes, estarão os advogados Juliano Barra e Marco Behrndt, ambos do escritório Machado, Meyer, Sendacz e Opice.

Barra discutirá a Lei Complementar 109, que regulamenta a criação de fundos de pensão por fundações e outras entidades associativas, como sindicatos. Já Behrndt fará uma exposição sobre as formas de custeio do sistema de seguridade social brasileiro.

Ainda participarão do evento Wagner Balera, doutor em direito pela PUC-SP e presidente da Abes; Sueli Dallari, doutora em saúde pública pela USP e Aldaíza de Oliveira Sposatti, doutora em serviço social da PUC-SP.

O congresso será feito no Hotel Sabará Flat. Estudantes pagam R$ 150 para participar e os profissionais R$ 200. O telefone para inscrições ou mais informações é (43) 4009-2525.

Revista Consultor Jurídico, 1 de novembro de 2005, 22h11

Comentários de leitores

2 comentários

Eu creio que o CONGRESSO deveria aproveitar par...

abreu (Advogado Autônomo)

Eu creio que o CONGRESSO deveria aproveitar para acabar com esta FARRA de "ESTADO MÍNIMO", onde a participação do Estado é insignificante, advogando a tese da GLOBALIZAÇÃO, onde tudo deve ser feito pela INICIATIVA PRIVADA, em detrimento do povo que não tem EMPREGO nen RENDA para bancar o sistema de SAÚDE PARTICULAR, pois é DEVER da UNIÃO, conforme CONSTITUIÇÃO, a eliminar as desigualdades sociais e promover o bem estar geral, o que passa pela SAÚDE e EDUCAÇÃO, etc.Não privatização onde só o CAPITAL especulativo(capital motel) é que ganha.VAMOS NESSA DEFENSORES DO POVO!

Eu creio que o CONGRESSO deveria aproveitar par...

abreu (Advogado Autônomo)

Eu creio que o CONGRESSO deveria aproveitar para acabar com esta FARRA de "ESTADO MÍNIMO", onde a participação do Estado é insignificante, advogando a tese da GLOBALIZAÇÃO, onde tudo deve ser feito pela INICIATIVA PRIVADA, em detrimento do povo que não tem EMPREGO nen RENDA para bancar o sistema de SAÚDE PARTICULAR, pois é DEVER da UNIÃO, conforme CONSTITUIÇÃO, a eliminar as desigualdades sociais e promover o bem estar geral, o que passa pela SAÚDE e EDUCAÇÃO, etc.Não privatização onde só o CAPITAL especulativo(capital motel) é que ganha.VAMOS NESSA DEFENSORES DO POVO!

Comentários encerrados em 09/11/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.