Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Pesquisa informatizada

Processos de Porto Alegre já podem ser consultados no site do TJ-RS

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul disponibilizou, desde sexta-feira (25/2), o serviço de consulta processual pelo nome das partes na comarca de Porto Alegre. Até então, o acompanhamento pelo site do TJ-RS só era possível pelo número do processo ou número de inscrição do advogado na OAB. O serviço disponibiliza somente a consulta para processos cíveis. A consulta para as ações criminais e os de família e sucessões ainda não está liberada.

Com o novo sistema, advogados, partes e servidores terão acesso à movimentação. Basta a indicação da comarca e de, no mínimo, dois nomes da parte. A pesquisa é fonética e por isso independe a grafia exata. A informações são do site Espaço Vital.

A possibilidade de consulta processual pelo nome das partes foi implantada no final de 2003 na maioria das comarcas do interior. Até o final de 2005, quando finalizar a instalação do sistema de informática, a ferramenta será implementada nas comarcas de Ijuí, Canoas, Caxias do Sul, Novo Hamburgo, Passo Fundo, Pelotas, Santa Maria e São Leopoldo.

A perspectiva é de que a consulta pelo nome das partes irá diminuir as visitas ao TJ-RS, bem como o atendimento pelo Disque Judiciário, em busca de números de processos. Na comarca de Porto Alegre tramitam cerca de 40% do total da demanda processual.

Revista Consultor Jurídico, 28 de fevereiro de 2005, 12h57

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 08/03/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.