Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Vitória petista

Veja está obrigada a dar direito de resposta a deputado do PT

A Veja está obrigada a conceder direito de resposta ao deputado estadual Emidio de Souza (PT), candidato à prefeitura de Osasco, Grande São Paulo. A determinação é da 227ª Zona Eleitoral de Osasco. Ainda cabe recurso.

De acordo com o site do PT, na edição nº 1.873, de 29 de setembro, a revista publicou uma reportagem “mentirosa e parcial que tenta manchar a imagem de Emidio de Souza e do presidente da Câmara dos Deputados, João Paulo Cunha”.

A Justiça Eleitoral determinou, ainda, busca e apreensão de jornal da Frente Viva Osasco, de Celso Giglio, por usar a notícia da revista Veja para atacar Emidio de Souza.

A resposta, de acordo com a Justiça, deve ser publicada com o mesmo destaque e na mesma página na qual está a notícia atual.

Além do direito de resposta, Emidio promete ingressar com mais duas ações: uma queixa-crime contra os autores da reportagem e outra de reparação por danos morais.

Leia a nota divulgada por Emidio de Souza

Nota à imprensa

Causou-me profunda indignação a notícia “Os outros quinhentos...” da revista Veja, nº 1.873, que chegou às bancas no dia 25 de setembro. Não vejo outro propósito na notícia senão o de impedir o crescimento de uma candidatura que, não tenho a menor dúvida, vencerá as eleições deste ano em Osasco.

Causou-me também perplexidade o fato de uma revista como a Veja publicar tamanha leviandade, sem qualquer consistência jornalística. É um absurdo vincular meu nome a uma suposta negociação e transformar essa suposição em notícia real.

O absurdo reside no fato da notícia ser construída a partir de uma gravação de uma conversa de uma suposta reunião da cúpula nacional do PSDC, da qual nem sabia de sua existência até ler a revista.

Esclareço que não participei de nenhuma negociação envolvendo recursos financeiros com quem quer que seja para obter o apoio do PSDC à minha candidatura a prefeito de Osasco. Isto porque o PSDC local aliou-se ao meu principal adversário do pleito que se avizinha, cedendo o candidato a vice-prefeito.

Portanto, se houve alguma negociação escusa ela se deu fora da frente partidária que me apóia.

Por fim, espero que a verdade dos fatos venha à tona o mais rápido possível. Se o propósito da revista foi o de causar interferência no processo eleitoral em curso, a maturidade da população de Osasco não permitirá que isso venha acontecer.

Emidio de Souza

Deputado Estadual

Candidato a prefeito de Osasco

Revista Consultor Jurídico, 29 de setembro de 2004, 10h43

Comentários de leitores

5 comentários

dora wacked, não se revolte, nada de conselho d...

Eli007 (Outros)

dora wacked, não se revolte, nada de conselho de jornalismo para nos tirar a nossa liberdade, vestiram os sequestradores com camisas do PT pois a polícia encontrou na agenda dos bandidos telefone de um monte de político do PT, isso quem me passou foi um delegado da PF, e depois os petistas conseguiram soltar esses sequestradores.

Não é preciso nem comentar. Os fatos falam por ...

Cássio ()

Não é preciso nem comentar. Os fatos falam por si só. Gostaria que a Veja e seus repórteres, ao invés de ficar emitindo juizos de valor a esmo (como faz em quase todas as matérias), fizesse jornalismo de verdade, com seriedade e profundidade. O problema da Veja não é não gostar do PT, ou do PSDB, ou de Serra ou de qualquer outro político. O problema da Veja é que lhe falta competência técnica, o que os obriga a apelar a todo instante, transformando notícias menores em grandes bombas, ou mesmo atacando tudo e todos para justificar a pretensa posição de "baluarte da democracia, da ética e da moralidade no Brasil". Que saudade daquela grande revista que lia até o início dos anos 90, das capas inesquecíveis do escândalo com Nixon, da morte de Ulisses Guimarães, das denúncias fundadas em provas e bem argumentadas....

E se esta reportagem tivesse saido no sábado, v...

Dora Wacked ()

E se esta reportagem tivesse saido no sábado, véspera da eleição? Mais ou menos como aconteceu em 1989, quando colocaram camisetas do PT nos sequestradores de Abílio Diniz?Até hoje, ninguém me tira da cabeça que o Lula perdeu a eleição por causa disso. Como reparar este dano, que foi Sr. Fernando Collor ao Brasil? É bem pertinete essa discussão agora, já que se fala neste site, sobre a criação do Conselho de Ética de Jornalistas e ainda vemos opiniões contrárias, estas só podem ser de quem acha que tudo que o Partido dos Trabalhadores faz é errado ou de jornalistas sem nenhuma ética. Falarei mais a respeito disso na notícia referente a este assunto.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 07/10/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.