Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Greve dos bancários

Sindicato dos bancários compromete-se a manter serviços essenciais

A direção do Sindicato dos Bancários comprometeu-se a defender, na próxima assembléia da categoria, a manutenção dos serviços essenciais à população.

Os representantes do Sindicato dos Bancários de São Paulo e da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) foram recebidos, separadamente, nesta quarta-feira (22/9), no gabinete do juiz Pedro Paulo Teixeira Manus, vice-presidente Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.

As duas entidades manifestaram ao juiz o desejo de buscar uma solução para a greve.

Manifestações

A Fenaban, o Sindicato dos Bancários e a Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul apresentaram, nesta quarta-feira (22/9), suas manifestações sobre o pedido de liminar da Procuradoria Regional do Trabalho.

O PRT pede ao TRT-SP que determine a manutenção mínima de 70% dos serviços da área operacional dos bancos em São Paulo, sob pena de multa diária de R$ 200 mil.

As manifestações foram encaminhadas ao vice-presidente Judicial do Tribunal, que decidirá sobre a questão.

Revista Consultor Jurídico, 22 de setembro de 2004, 19h07

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 30/09/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.