Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Competência militar

Tribunal Militar julga ex-policial acusada pela morte do marido

A ex-policial militar Miriam Cristiane Senche Zacarias, acusada de participar da morte do marido, será julgada Tribunal de Justiça Militar de São Paulo. A decisão é da Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça.

Segundo o STJ, Miriam teria fornecido a seu namorado, Fábio Bezerra, a arma que ele usou para matar o tenente-coronel da Polícia Militar paulista Paulo Roberto de Zacarias Cunha, então comandante do 17º Batalhão da Polícia Militar em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo.

Bezerra confessou a autoria do crime. O tenente-coronel foi atingido por seis tiros de calibre 38 ao chegar à casa de sua sogra em uma motocicleta.

A decisão do STJ foi dada de ofício, já que o pedido original da defesa foi negado exatamente por ser contra decisão monocrática do juiz auditor da 3ª Auditoria Militar. Não cabe recurso contra esse tipo de decisão ao STJ.

A ex-policial cumpre prisão preventiva no presídio da Romão Gomes da Polícia Militar, em São Paulo. Bezerra aguarda julgamento preso no Centro de Ressocialização de Araçatuba.

RHC 16.389

Revista Consultor Jurídico, 20 de setembro de 2004, 17h38

Comentários de leitores

1 comentário

Não é namorado, é amante.

Eder José Teixeira Botelho (Técnico de Informática)

Não é namorado, é amante.

Comentários encerrados em 28/09/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.