Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Parente é serpente

Sobrinho acusado de roubar obras de Siron Franco é libertado

Darci França Franco Júnior, sobrinho do artista plástico Siron Franco foi libertado pela Justiça de Goiás nesta terça-feira (5/4). Ele é acusado de liderar a quadrilha responsável pelo furto e falsificação de várias obras de Siron.

Segundo o relator do Habeas Corpus, o desembargador da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Goiás, Huygens Bandeira de Melo, a decisão levou em conta que o Darci é réu primário, tem bons antecedentes e endereço fixo.

A prisão de Darci Franco foi decretada no início de abril pelo juiz Jesseir Coelho de Alcântara. Ele foi preso juntamente com o pai, Darci França Franco. Os dois são acusados pelo roubo de 340 obras, entre telas, guaches, cerâmicas e painéis. Segundo Siron Franco, o acervo está avaliado em R$ 9 milhões.

Franco começou a se destacar no meio artístico depois de participar da 13ª Bienal Internacional de São Paulo. No evento, ele ganhou o prêmio internacional de pintura e teve seu trabalho projetado no exterior. (TJ-GO)

Revista Consultor Jurídico, 4 de maio de 2004, 20h29

Comentários de leitores

1 comentário

Hum................Que legal quanto ele pagou p...

Gabrielle de Oliveira Perdigão ()

Hum................Que legal quanto ele pagou para ser livre? quem será que o subornou?.............?????????? Vou até suplicar: - Por favor faça que exista pelo menos uma pessoa interamente honesta no Brasil, e no Mundo. Aí um bebê irá me responder assim: - A essa altura do campeonato, creio que até eu já robo já quero ser politico para continuar fazendo o que todo politico faz( se houver um honesto me avissem?) roubar o povo que já se conformou com a situação.

Comentários encerrados em 12/05/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.