Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Publicidade na mira

Paulinho contesta na Justiça gasto da Prefeitura de SP com publicidade

O presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva, o Paulinho, entrou com ação popular pedindo que os responsáveis pela campanha publicitária dos Centros Educacionais Unificados (Ceus), criados pela prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, sejam condenados ao pagamento de perdas e danos pela "prática lesiva ao erário".

Na ação ajuizada nesta terça-feira (9/9), o possível candidato do PDT à Prefeitura de São Paulo, em 2004, alegou que há "flagrante desvio de finalidade da campanha publicitária dos Ceus". Na ação, ele é representado pelo escritório Leite, Tosto e Barros Advogados Associados.

O presidente da Força resolveu entrar com a ação depois de a Prefeitura não ter divulgado as informações solicitadas por ele sobre os gastos. O pedido, feito no dia 15 de agosto, foi deferido por Marta Suplicy, em despacho publicado no Diário Oficial do Município em 22 de agosto de 2003. Contudo, decorrido o prazo legal de 15 dias para a prestação das informações requeridas, nada foi apresentado.

Revista Consultor Jurídico, 9 de setembro de 2003, 22h53

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 17/09/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.