Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Dívida pendente

Oficiais de justiça fazem fila para cobrar Moto Clube, no MA.

Se não bastasse ser eliminado logo na primeira partida da segunda fase da Copa do Brasil pelo Vasco, no Castelão, em São Luís (Maranhão), o Moto Clube ainda teve um prejuízo ainda maior.

Três oficiais de justiça foram, sob determinação da Justiça do Trabalho, até o estádio onde ficaram nas bilheterias para ficar com a parte do clube na partida: 40% do total, já que o clube carioca foi quem saiu vitorioso e levou 60%.

Apesar de a renda e público não terem sido divulgado, havia mais de 50 mil pessoas no Castelão.

O presidente Eugenio Rodrigues e o seu vice, Jota Pinto, não acreditavam no que viam. E só pareciam lamentar as últimas administrações do Moto, já que investiram na divulgação do confronto contra o Vasco com propagandas pelas ruas de São Luís.

Fonte: Terra - Wladir Barreto

Revista Consultor Jurídico, 27 de março de 2003.

Revista Consultor Jurídico, 27 de março de 2003, 15h23

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/04/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.