Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Alvo do MP

Supremo recebe denúncia contra deputado Fernando Giacobo

O Supremo Tribunal Federal recebeu denúncia do Ministério Público do Paraná contra o deputado federal Fernando Giacobo (PPS-PR). Ele é acusado pela suposta prática de seqüestro e cárcere privado, em julho de 2000, de José Adilson dos Santos.

Giacobo teria feito um negócio de compra e venda de glebas de terras no estado vizinho do Mato Grosso do Sul, com José Gomes Peppes, com a intermediação da vítima José Adilson dos Santos. No entanto, em julho de 2000, o denunciado pediu que Santos fosse a sua concessionária - a Giacobo - para que apresentasse determinadas certidões referentes às glebas de terras negociadas.

De acordo com o Ministério Público, quando a vítima chegou ao escritório da Giacobo, em Cascavel (PR), o acusado lhe cobrou a devolução da quantia de R$ 250 mil, valor este referente ao pagamento efetuado a José Peppes, pela transação das terras.

"Dito isso, o denunciado manteve a vítima em sua concessionária mediante cárcere privado até às 22 horas, momento em que o denunciado - juntamente com terceiras pessoas -conduziram a vítima até a localidade de Rio do Salto, em uma propriedade do denunciado, ocasião em que, Fernando Giacobo, juntamente com terceiras pessoas, um aderindo à vontade ilícita do outro, dolosamente, privaram José Adilson dos Santos de sua liberdade mediante seqüestro e cárcere privado, após ameaçarem a vítima de mal injusto e grave, prendendo-lhe em um dos quartos da referida propriedade, mantendo-o ainda na referida propriedade até o período noturno do dia seguinte", afirmou o Ministério Público, que resolveu denunciá-lo. O ministro Marco Aurélio será o relator do pedido. (STF)

Inq 2.017

Revista Consultor Jurídico, 27 de junho de 2003, 17h11

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 05/07/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.